,Imperial Travel
Library of Congress/Corbis/VCG via Getty Images

O sermão de Mark Twain para o século XXI

Pode a arte do riso de Mark Twain servir este tempo? Mais de cem anos depois da sua morte, continua a ser lido, censurado e aplaudido. Usou o humor e o vernáculo para construir um universo literário que fala de tensões que persistem. Em vida, foi considerado o grande humorista. Depois de morto um escritor fundador de uma literatura. Agora é alvo da polarização da sociedade.

Num dia de Julho de 1899, em Londres, Mark Twain falava da sua relação com o humor. Dizia que o fazia “reflectir”, que punha “em marcha a maquinaria do pensamento”. Precisava: “Sempre que penso na minha vida começo a perguntar a mim próprio o que é que eu sou, o que é que todos nós somos e o que é que vai ser de nós. Sempre que ouço alguém a fazer humor, brota-me dos lábios um sermão.”