Nova Feira Popular deverá custar, pelo menos, 40 milhões de euros

Está em consulta pública o estudo de impacto ambiental da nova Feira Popular que deverá nascer em Carnide. Até 30 de Janeiro, quem assim quiser, poderá apresentar críticas e sugestões ao projecto.

Foto
Terreno, em Carnide, onde deverá ser instalada a nova Feira Popular de Lisboa Rui Gaudêncio

A nova Feira Popular de Lisboa deverá custar, no mínimo, 40 milhões de euros, mas esse valor poderá ascender aos 70 milhões. O investimento será suportado pelo futuro concessionário, uma vez que o novo parque de diversões será concessionado através de concurso público a lançar pela câmara de Lisboa. O vencedor ficará assim responsável pelo desenvolvimento da concepção, construção, manutenção e operação da nova Feira Popular, segundo as informações que constam no resumo não técnico do Estudo de Impacte Ambiental (EIA) da Feira Popular de Lisboa, que está em consulta pública.