Samantha North

“A combinação entre tribalismo nas redes sociais e nos media britânicos é tóxica”

Samantha North analisou mais de nove milhões de tweets e registou enormes índices de hostilidade e linguagem agressiva entre brexiteers e remainers no Reino Unido. Tendência alastrou para estas eleições e prejudica o debate público.

Foto
Manifestação anti-"Brexit" em Londres Reuters/FRANCOIS LENOIR

Em vésperas de novas eleições e três anos e meio volvidos do referendo do “Brexit” e com um cansativo – e, até ver, irresolúvel – processo político de saída da União Europeia, o Reino Unido está cada vez mais dividido em dois. E uma importante componente dessa batalha, entre brexiteers e remainers, joga-se, ainda e cada vez mais, nas redes sociais. Samantha North, investigadora da Universidade de Bath e especialista em desinformação e tribalismo político online, quis saber mais sobre este braço-de-ferro particular e sobre o impacto do referendo no debate político britânico no Twitter.