Entrevista

Ministro da Educação quer “redobrada atenção à diversidade” nas escolas e territórios

Tiago Brandão Rodrigues explica como planeia reduzir o insucesso escolar, esclarecendo que não pretende “instituir passagens administrativas ou estratégias que desvirtuem o processo de ensino-aprendizagem”. A intervenção será reforçada no básico e no secundário.

Foto
Nelson Garrido

 Nunca um ministro da Educação tinha completado um mandato de quatro anos e sido reconduzido para um segundo mandatoNa legislatura anterior, a principal prioridade da política educativa era combater o insucesso escolar, tida como um entrave “à equidade, à aprendizagem e ao cumprimento da escolaridade obrigatória”. Nesta legislatura que agora começa, Tiago Brandão Rodrigues, nascido em Braga em 1977, está apostado em aprofundar o trabalho que vinha a ser desenvolvido.