João Lourenço substitui ministros das Finanças e da Educação

Archer Mangueira foi substituído por Vera Daves, que levou para secretária de Estado, enquanto Cândida Teixeira dá o seu lugar a Ana Paula Elias, que geria as bolsas de estudo.

João Lourenço tinha reconduzido Archer Mangueira no cargo em 2017
Foto
João Lourenço tinha reconduzido Archer Mangueira no cargo em 2017 Adriano Miranda

O Presidente angolano, João Lourenço, procedeu esta quarta-feira a uma nova mini-remodelação no seu Executivo, substituindo o ministro das Finanças, Archer Mangueira, que reconduziu no cargo em 2017 quando chegou ao poder, a ministra da Educação, Cândida Teixeira, dois secretários de Estado, o governador do Namibe e o vice-governador do Bié.

O lugar de Mangueira vai ser ocupado por Vera Daves, antiga presidente da Comissão de Mercado de Capitais e que o próprio ministro insistiu em levar para o Governo como secretária de Estado das Finanças e Tesouro em 2017.

PÚBLICO -
Foto

Sinal de que, entretanto, tinha ganho o respeito do chefe de Estado, como técnica conhecedora e competente, foi a sua nomeação para o Bureau Político do MPLA no último congresso extraordinário do MPLA, realizado em Junho.

O lugar de Vera Daves na secretaria de Estado das Finanças e Tesouro vai ser ocupado por Osvaldo Victorino João, enquanto Archer Mangueira passará a ser governador da província do Namibe, em substituição do exonerado Carlos da Rocha Cruz.

No Ministério da Educação, Cândida Teixeira deixa a pasta entregue a Ana Paula Elias que até aqui era directora geral do Instituto Nacional de Gestão de Bolsas de Estudo.

As mexidas levadas a cabo por João Lourenço estenderam-se ainda à Secretaria de Estado para a Saúde Pública, onde Franco Mufinda vai suceder a José Manuel Vieira Dias da Cunha, e ao cargo de vice-governador do Bié para o sector político, social e económico, com António Manuel a substituir Carlos Ulombe Esperança.

Esta é a segunda remodelação importante no Governo angolano depois de em Julho, João Lourenço ter mudado de uma assentada os titulares das pastas do Interior, da Agricultura e da Economia.