Multas por falar ao telemóvel a conduzir vão custar o dobro

Proposta de decreto-lei está em processo legislativo e define coimas entre os 250 e os 1250 euros. Além disso, perde-se mais um ponto na carta de condução

Foto
Nuno Alexandre Mendes

O Governo quer duplicar o valor das multas aos condutores apanhados a conduzir a falar ao telemóvel. O actual código da estrada prevê coimas entre os 120 e os 600 euros. O executivo tem uma proposta de decreto-lei, que está em circuito legislativo, que define coimas entre os 250 e os 1250 euros. O número de pontos a perder na carta de condução também sobe, passando de dois para três.