País de Gales deixa boa imagem na estreia no Mundial 2019

No único jogo do Campeonato do Mundo de râguebi disputado nesta segunda-feira, os galeses venceram a Geórgia, por 43-14.

Foto
Reuters/MATTHEW CHILDS

Depois do Irlanda-Escócia na véspera, o segundo confronto entre europeus no Campeonato do Mundo de râguebi também terminou sem surpresas e com a vitória de um dos outsiders no Mundial do Japão. No City of Toyota Stadium, o País de Gales derrotou a Geórgia, por 43-14, e igualou a Austrália na liderança do Grupo D.

No único jogo agendado para esta segunda-feira na competição, o País de Gales deixou uma boa imagem e praticamente resolveu o problema nos primeiros 18 minutos, com três ensaios: Jonathan Davies (2'), Justin Tipuric (12') e Josh Adams (18').

A perder por 22-0, a Geórgia recompôs-se e usando a sua principal arma (jogo de contacto através dos avançados), conseguiu equilibrar a partida e jogar vários minutos na área de 22 metros galesa, mas no melhor período georgiano voltaram a ser os britânicos a marcar: após uma bola jogada pelas linhas-atrasadas, o defesa Liam Williams  fez o toque de meta (29-0).

Com o quarto ensaio, o País de Gales ficava com o ponto de bónus ofensivo na mão, mas a Geórgia ainda não tinha baixado os braços e os últimos 40 minutos começaram com um merecido ensaio da selecção comandada pelo neozelandês Milton Haig (Shalva Mamukashvili, aos 42’).

O bónus ofensivo para os galeses ficava em risco e o jogo ganhou interesse. Com a habitual bravura, os georgianos iam discutindo o jogo no campo galês, mas a qualidade dos britânicos fazia a diferença: Tomos Williams (64') fez o quinto ensaio.

A resposta foi quase imediata e o “pack” georgiano voltou a trabalhar bem, permitindo que Levan Chilachava (68’) colocasse a diferença em 36-14. O triunfo galês já estava garantido, mas apenas nos últimos minutos o “XV” liderado pelo técnico Warren Gatland descansou, quando George North (75') fez o último ensaio da partida, colocando a diferença final em 29 pontos (43-14).