Sharish, um gin alentejano de fruta fresca e flores azuis

Do desemprego nasceu uma oportunidade e da Internet vieram as instruções. António Cuco lançou a Sharish em 2014, depois um gin azul e agora acaba de chegar ao mercado uma edição limitada com flor de laranjeira. No centro interpretativo, em Reguengos de Monsaraz, conta-se toda a história.

Licor
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria
Mirtilo
Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria

É das primeiras coisas que vemos ao entrar no Centro Interpretativo do Gin, aberto no ano passado nas instalações da destilaria Sharish, em Reguengos de Monsaraz. À entrada, numa vitrine, está exposta a parafernália com que António Cuco fez os primeiros gins: “a panela de pressão lá de casa”, um antigo bidão de óleo de cozinha e o fogão eléctrico de campismo dos pais.