Opinião

Uma coincidência

Quantas vezes acontece um milagre destes, em que as nossas saudades — desejos disfarçados de memórias — se transformam em possibilidades?

Começo o dia com uma discussão. As saudades têm o condão de se tornarem fúrias. Num momento estou a fantasiar com guacamole e totopos; no outro pergunto a mim próprio há quantos anos não tenho o prazer de os comer e, no último, já estou a zangar-me comigo mesmo por não ter feito nada para os comer.