A remodelação da casa de Harry e Meghan custou 2,7 milhões de euros

A Frogmore Cottage do século XIX, nos terrenos da propriedade da rainha no Castelo de Windsor, tornou-se a residência oficial de Harry e Meghan quando se mudaram pouco antes do nascimento de seu primeiro filho, Archie.

,Casamento do Príncipe Harry e Meghan Markle
Foto
Windsor foi escolhido pelo casal para a cerimónia de casamento e para apresentar o filho ao mundo Reuters/POOL

O custo de renovar a nova casa de Harry e Meghan foi de 2,7 milhões de euros, anunciou o Palácio de Buckingham nesta terça-feira.

A quantia, financiada pelo subsídio anual pago pelos contribuintes, foi aplicada na remodelação da Frogmore Cottage numa única habitação, enquanto o casal real, o duque e a duquesa de Sussex, pagaram os móveis e decoração. “A propriedade não era alvo de intervenção”, explicou Michael Stevens, o Guardião da Bolsa Privada.

“A infra-estrutura desactualizada foi substituída para garantir a longo prazo o futuro da propriedade”, acrescentou, na mesma altura em que a família real britânica publicava o relatório anual de prestação de contas, que detalha as receitas e despesas oficiais da rainha e da sua família.

A Frogmore Cottage do século XIX, nos terrenos da propriedade da rainha no Castelo de Windsor, tornou-se a residência oficial de Harry e Meghan quando se mudaram pouco antes do nascimento de seu primeiro filho, Archie.

O edifício já havia sido convertido em cinco residências separadas e as autoridades reais tinham planeado renová-lo antes que fosse decidido que se tornaria a residência de Harry e Meghan.

A remodelação de seis meses incluiu nova instalação eléctrica, substituição de vigas do tecto e vigas do chão, novos sistemas de aquecimento e a introdução de novos canos de água e gás.

Uma fonte do palácio disse que o dinheiro dos contribuintes cobriu o custo das cozinhas, casas de banho e chãos. Os jornais britânicos relatam que entre as mudanças, a casa agora tem piso flutuante e um estúdio de ioga.

Harry e Meghan moravam numa residência nos arredores do Palácio de Kensington, a casa londrina do seu irmão mais velho, o príncipe William e da sua mulher Kate. Mas desde o casamento, em Maio do ano passado, que o casal está a criar o seu próprio caminho, separando a sua família da de William e Kate, através da mudança para Windsor e também afastando-se da fundação de caridade que partilhavam, a Royal Foundation.