Omissões na manutenção provocaram descarrilamento de comboio no Marco de Canaveses

Acidente ocorreu em Fevereiro do ano passado com um comboio de mercadorias. GPIAAF repete recomendações de segurança de relatório anterior sobre descarrilamento na Livração.

,Trem
Foto
Paulo Pimenta

Nada faria prever a destruição que ocorreria na tranquila estação do Marco de Canaveses na manhã do dia 4 de Fevereiro de 2018. O chefe de estação tinha concedido avanço à estação colateral de Livração e pedido avanço à estação seguinte, em Mosteiró, para um comboio de mercadorias que ali deveria passar sem efectuar paragem. Como mandam os regulamentos, esperou-o na plataforma da gare, com a bandeira em riste, para dar via livre ao maquinista.