Soldado deixa cuidados intensivos do Curry Cabral

Militar de 23 anos que se sentiu mal numa prova em Santa Margarida e que depois foi sujeito a um transplante de fígado está a melhorar.

Jovem sentiu-se mal quando estava quase a terminar uma prova de nove quilómetros
Foto
Jovem sentiu-se mal quando estava quase a terminar uma prova de nove quilómetros Rui Gaudencio

O militar que foi internado, no dia 15 de Maio, no Hospital Curry Cabral, em Lisboa, por suspeita inicial de golpe de calor que não se confirmou, saiu esta terça-feira dos Cuidados Intensivos, disse a porta-voz do Exército, a major Elisabete Silva, ao PÚBLICO.

O soldado de 23 anos foi submetido a um transplante de fígado.

Sobre os resultados dos exames a que foram submetidos os 164 instruendos e instrutores do curso de cabos do Exército, ao qual pertence o soldado que foi internado, na manhã de sexta-feira, a porta-voz do Exército disse que ainda não havia novidades, mas que ninguém se sentiu doente até agora.

Ainda está por apurar o que conduziu à hospitalização do militar, tendo também o Exército aberto um processo de averiguações ao caso.

O jovem sentiu-se mal quando estava perto de terminar uma prova de 9 quilómetros em Santa Margarida. Foi assistido no local, tendo sido depois transportado para o centro de saúde de Tancos/Santa Margarida, e mais tarde para o hospital de Abrantes. O agravamento da sua condição levou a que fosse transferido para o Hospital Curry Cabral, em Lisboa, onde permanece internado.