Deputada do PS conseguiu fundos europeus para projectos familiares concluídos há muito

As regras eram claras: só podiam ser aprovados subsídios para obras que não estivessem concluídas. Mas a coordenadora do PS para a área do turismo arrecadou mais de 275 mil euros destinados a projectos turísticos que já estavam prontos e a funcionar. Num dos casos há dois anos

Universidade Técnica de Ciências Aplicadas Wildau
Fotogaleria
Hortense Martins DR
Nuno Crato
Fotogaleria
Hortense Martins (atrás de António Costa e Maria Manuel Leitão Marques) foi cabeça de lista do PS por Castelo Branco nas legislativas de 2015 RUI GAUDÊNCIO
Agricultura
Fotogaleria
Câmara de Castelo Branco CARLA CARVALHO TOMÁS

A deputada Hortense Martins, líder do PS no distrito de Castelo Branco e mulher do actual presidente da câmara local, Luís Correia, conseguiu em 2010 um subsídio de 171 mil euros para a construção de um “Centro de Lazer e Turismo Gastronómico” aberto há 24 meses. Passados três anos obteve mais 105 mil euros para uma unidade de turismo em espaço rural que também já estava a funcionar à data da aprovação da respectiva candidatura.