“Sou da Ribeira, vim emprestado ao Aleixo”

Mudou-se da Ribeira para o Aleixo em Abril de 1974. Já saiu da torre 1 há cinco anos, mas preserva um pequeno quintal com vistas para ele

Foto

Nasceu com o país livre, em Abril de 74. Esvaziou-se este mês, 45 anos depois. Este é um dos retratos do Aleixo, nas palavras de quem o viveu por dentro. Os dias do fim num bairro portuense onde cidade e país se podem ver ao espelho.