Pestana estreia-se em Madrid com hotel na Plaza Mayor

A primeira unidade do grupo português na capital espanhola marca outra estreia: é também o primeiro hotel na emblemática praça no coração de Madrid.

,Hotel
Foto
DR

Depois de Barcelona, com a compra e remodelação do antigo Vincci Arena em 2013, o maior grupo hoteleiro português reforça a presença em Espanha com a abertura de um novo hotel, agora em Madrid e em plena Plaza Maior, uma das mais emblemáticas praças da cidade.

A unidade hoteleira abre a 13 de Maio e resulta da reconversão de dois dos edifícios históricos da praça, local onde outrora terá funcionado o depósito geral de carne que alimentava os mercados locais, daí o nome pelo qual ainda é hoje conhecido, Casa de la Carnicería. Teve depois diferentes funções sob alçada da autarquia local.

PÚBLICO -
PÚBLICO -
PÚBLICO -
PÚBLICO -
PÚBLICO -
PÚBLICO -
Fotogaleria

Agora, como hotel, “o primeiro alguma vez instalado no local”, refere o grupo português em comunicado, oferece 89 quartos e suítes (quase metade com varandas sobre a praça), spa, bar de cocktails e um café aberto para a rua, “dedicado às tapas e petiscos” e onde “não faltará doçaria tradicional espanhola e portuguesa”.

Inspirada pela história do edifício, a escolha para o conceito de restauração recaiu no RIB Beef & Wine, marcando a primeira internacionalização da marca que nasceu no Pestana Vintage, na Ribeira do Porto, e expandiu-se entretanto para Lisboa. Para o terraço no topo do hotel, está guardada uma das surpresas: uma piscina ao ar livre, com espreguiçadeiras e vistas para as torres e telhados da capital espanhola.

PÚBLICO -
Foto
DR

O edifício do século XVII, sublinham, mantém “toda a sua traça original”, integrando “um ou outro traçado menos antigo”. A decoração do Pestana Plaza Mayor segundo referem, procura prestar homenagem a esse legado, aliando “elementos decorativos de traço imperial” com “peças coloridas inspiradas nos pintores expressionistas, padrões e cores da praça e de Madrid”, integrando ainda linhas contemporâneas e um piscar de olhos às origens portuguesas do grupo, nos painéis de azulejos ou na calçada, por exemplo.

O novo hotel integra a Pestana Collection, a marca de topo do grupo, onde se incluem unidades como o Palácio do Freixo, o hotel d’ A Brasileira ou o Vintage no Porto; a Cidadela de Cascais e o Palace de Lisboa; e o Riverside, em Amesterdão. 

PÚBLICO -
Foto
Nelson Garrido

Cenas da vida quotidiana numa Madrid sem guia