Tiago Bettencourt ao vivo no auditório do PÚBLICO

Ex-vocalista do grupo Toranja, Tiago Bettencourt já editou até à data seis discos a solo: O Jardim (2007), Em Fuga (2010), Tiago Na Toca & Os Poetas (2011), Acústico (2012), Do Princípio (2014) e A Procura (2017). E a cada novo disco, ele apela a que o oiçam como se fosse sempre a primeira vez. A este desejo acrescentou mais tarde, por escrito: “Quero, como sempre, que as canções resistam ao corroer do tempo, e envelheçam humanas.”

De álbuns anteriores, há dois temas seus no Spotify que rondam o milhão e meio de acessos, Canção de engate e Morena, que no YouTube já tem mais de 32 milhões. Do disco mais recente, há uma canção que vai pelo mesmo caminho, com quase 900 mil acessos no Spotify e 2,5 milhões no YouTube: Se me deixasses ser.

Já estreado no Coliseu do Porto, no início do mês, o disco será apresentado no Coliseu de Lisboa no dia 6 de Dezembro, às 21h30. Antes, Tiago Bettencourt passa pelo Auditório do PÚBLICO para cantar alguns temas de A Procura e para falar do seu trabalho com o jornalista Nuno Pacheco.

Sugerir correcção