Empresas de estacionamento low cost suspeitas de enganar clientes

Os clientes pagam por um serviço que inclui estacionamento em parque coberto com videovigilância, mas os veículos ficam numa rua perto do aeroporto.

Foto
As empresas recolhem e entregam os veículos aos clientes junto dos terminais Enric Vives-Rubio

Há pelo menos duas empresas a operar serviços low cost de estacionamento no Aeroporto de Lisboa que podem estar a incorrer de prática enganosa: são a Lisboa Parque e a AirPark. É que, apesar de publicitarem estacionamento em parque coberto com videovigilância, ambas as empresas estacionam o carro dos clientes na Avenida Almirante Gago Coutinho, avança a TVI.

A informação constante no site das empresas é a de que prestam um serviço de “estacionamento low cost”, em parque coberto com vigilância 24 horas, e serviço de valet parking, isto é, vão buscar e entregar o carro aos terminais do aeroporto Humberto Delgado onde estiverem os clientes. A tarifa diária é de cinco euros.

Mas, constatou a TVI, os automóveis deixados com a empresa não vão para um parque coberto — são, antes, estacionados na Avenida Almirante Gago Coutinho, entre o Areeiro e a Rotunda do Relógio, onde o estacionamento é grátis ao longo de dois quilómetros e meio.

Ao não cumprirem com o prometido, os consumidores que se sentirem defraudados podem apresentar uma “denúncia pela questão da publicidade” junto da DECO e outra pela questão da “prática enganosa” junto da ASAE, explica a jurista da DECO, Catarina Gouveia, em declarações à TVI. “O contrato é para que fique exclusivamente em parque coberto com videovigilância. Estas condições são para todo o momento contratual”, completa.

Contactados pela TVI, os responsáveis pelas empresas em causa não quiseram comentar.