Medalha de Honra da Cidade do Porto para Rui Veloso

Proposta vai à reunião do executivo da próxima terça-feira.

Rui Veloso, no Coliseu do Porto, em 2010, a celebrar os 30 anos de carreira
Foto
Rui Veloso, no Coliseu do Porto, em 2010, a celebrar os 30 anos de carreira Paulo Pimenta

A Câmara do Porto quer entregar a Medalha Municipal de Honra da Cidade ao músico Rui Veloso. O cantor de “Chico Fininho” será, assim, a segunda personalidade a receber esta distinção este ano, uma vez que também o presidente do Futebol Clube do Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa, recebeu uma medalha idêntica.

A proposta assinada pelo presidente Rui Moreira é acompanhada de uma curta biografia de Rui Veloso, em que se recorda que este se mudou para o Porto apenas com três meses de vida, depois de ter nascido em Lisboa. Curiosamente, além de uma referência à canção “Chico Fininho”, não há qualquer menção ao facto de vários temas da carreira do músico serem intrinsecamente ligados à cidade, de que são exemplos “Porto Sentido”, “Um trolha d’Areosa” ou “A Paixão”.

As propostas para a atribuição das medalhas da cidade costumam ser consensualizadas entre as várias forças partidárias representadas na autarquia, levando, em geral, a votos unânimes. Excepção, no primeiro mandato de Rui Moreira, foi a atribuição da medalha ao seu antecessor, Rui Rio. O então vereador da CDU, Pedro Carvalho, pediu para que esta medalha fosse votada em separado (havia mais duas propostas de Medalha Municipal de Honra da Cidade), para poder votar contra, mas como viu a sua pretensão negada, recusou-se a votar este ponto.

Este ano, a câmara já entregou a Pinto da Costa a mesma distinção, depois de uma proposta da socialista Carla Miranda, para que a medalha fosse entregue ao líder do FCP, precisamente na mesma cerimónia em que foi entregue a Rui Rio, ter sido negada pelo executivo. Agora, a vereação irá votar apenas a ratificação da decisão de atribuição da medalha, já saudada por todas as forças políticas.

As duas propostas deverão ser votadas na reunião da próxima terça-feira, a par com outras distinções atribuídas a diferentes figuras da cidade, incluindo uma cozinheira da autarquia (Medalha Municipal de Bons Serviços- Grau Prata), o piloto de automóveis Pedro Matos Chaves (Medalha Municipal de Valor Desportivo – Grau Ouro) e várias medalhas de Mérito, todas de grau Ouro, que serão entregues, entre outros, a anteriores e actuais membros da Assembleia Municipal como Gustavo Pimenta (PS), Luís Artur (PSD), Artur Ribeiro (CDU) e José Castro (Bloco de Esquerda), à encenadora Isabel Barros, fundadora do Balleteatro , ou ao actual secretário de Estado Adjunto da Saúde, Fernando Araújo.