Académica conquista a Taça de Portugal

Em Setúbal, os “estudantes” derrotaram a Agronomia, por 20-15, e vencerem a competição de râguebi pela sétima vez

Esporte de equipe, campeonato, equipe
Foto
FPR

A Académica conquistou neste sábado, em Setúbal, a 57ª edição da Taça de Portugal de râguebi, após derrotar a Agronomia, por 20-15. Num jogo muito disputado, os “pretos” garantiram a sua sétima vitória na competição com ensaios de António Salgueiro e Sérgio Franco.

Vinte e um anos depois, a Académica voltou a vencer a Taça de Portugal após uma partida discutida até ao último segundo. A equipa de Coimbra, que no seu percurso até à final derrotou três dos principais candidatos a vencer a troféu (Belenenses, CDUL e Cascais), teve uma excelente entrada no jogo e aos 11 minutos já vencia por 14-0: ensaios de António Salgueiro e Sérgio Franco.

Muito desfalcada após sete jogadores serem castigados devido aos incidentes ocorridos na meia-final do campeonato, a Agronomia acusou a ausência de José Rodrigues, o habitual chutador da equipa lisboeta, mas conseguiu reagir e, após ensaios de Giorgi Turabelidze e Tomás Gonçalves, chegou ao intervalo a perder por 10-17.

No arranque da segunda parte, o australiano Adam Danckert mostrou eficácia no jogo ao pé e na conversão de uma penalidade deu dez pontos de vantagem aos “pretos” (20-10), mas com um novo ensaio do pilar luso-georgiano Giorgi Turabelidze, a Agronomia reduziu a desvantagem para cinco pontos (20-15).

Apesar da pressão da equipa da Tapada da Ajuda nos últimos minutos, os jogadores da Académica seguraram a vantagem até final e, dessa forma, garantiram a conquista da sua 7.ª Taça de Portugal, frente à equipa que tinha vencido a prova na época passada.