Vídeo

Um vídeo que é uma viagem pela evolução da beleza feminina

O que é a beleza? Eis a pergunta com que a realizadora Anna Ginsburg decidiu iniciar a pequena animação que realizou para o canal Cable News Network, a propósito do último Dia Internacional da Mulher. A resposta vem na forma de uma viagem que arranca 2800 anos antes de Cristo e termina nos dias de hoje.

 

Tudo começa com uma escultura feminina antiga, que se vai transformando de figura em figura até aos tempos modernos, podendo identificar-se celebridades como Marilyn Monroe, Madonna, Kim Kardashian ou Miley Cyrus. O objectivo é mostrar a evolução do ideal da beleza feminina.

 

Com o vídeo, a realizadora londrina quis também falar das constantes pressões que são feitas às mulheres para que se conformem com os ideais de corpo perfeito. E não só. "Eu fiz este filme pela minha irmã mais nova", conta no seu site. A irmã de Anna sofre de anorexia desde os 12 anos e, enquanto testemunha do seu sofrimento durante os últimos oito anos, pensou no que poderia fazer para sensibilizar as pessoas sobre o assunto. "É dito às mulheres a toda a hora para que se amem a si próprias", considera. No entanto, a sociedade rege-se por "valores que tornam extremamente difícil fazê-lo". Ao longo de todo o filme, foi escolhida apenas uma cor, um "único tom de azul". E porquê? O azul sempre foi associado ao feminismo, explica Anna. "Só recentemente é que se começou a considerar uma cor masculina."

 

O filme termina com uma mensagem e um convite à reflexão: "Pensa nos ideais que nos são impostos e no quão rápido eles evoluem porque não há nenhum modelo-padrão de beleza. Por isso, celebremos a diversidade da forma feminina". O filme foi agora destacado pelo Vimeo Staff Pick, uma selecção dos melhores vídeos submetidos na plataforma.