Fotogaleria
A par de Caio, quartoquarto, Planeta Tundra e Jerónimo, Mathilda é um dos nomes que vão actuar no Cinema São Jorge DR
Fotogaleria

Lisboa: está aí mais uma final do Festival Termómetro

Caio, quartoquarto, Planeta Tundra, Jerónimo e Mathilda são os finalistas da edição 2017 do Festival Termómetro. Cinema São Jorge, em Lisboa, acolhe os concertos da final a 13 de Janeiro

Os portugueses Caio, quartoquarto, Planeta Tundra, Jerónimo e Mathilda disputam a 13 de Janeiro, em Lisboa, a final do Festival Termómetro, criado em 1994 e no qual participaram bandas e artistas como Ornatos Violeta, Capicua, Blind Zero, Mazgani e Whales. A final acontece no sábado à noite, no Cinema São Jorge, e terá os Pop Dell'Arte como convidados especiais. Os cinco finalistas da edição deste ano do Termómetro foram escolhidos em cinco eliminatórias que decorreram em dezembro, no Fundão, no Porto, em Aveiro e em Lisboa.

Caio é o nome do projecto do lisboeta João Santos que, "com uma guitarra e voz, segue uma linha de composição num estilo José Gonzalez, acústico-ambiente, que alcança um misto de energia e vivacidade". Também de Lisboa são a dupla Planeta Tundra (Tiago Martins e Tiago Amaral), que editou em Outubro o EP de estreia, Vigantol, pela Munro Records, e os quartoquarto (João Vidigueira na voz, Luís Lucena nas programações, guitarra eléctrica e baixo, João Abelaira nos teclados e synths e Diogo Sousa na bateria e sampler). Mathilda é o alter ego da vimaranense Mafalda Costa "para expor fragilidades, acompanhada ora por um ukulele, ora por uma guitarra eléctrica". Ao vivo, Mafalda Costa faz-se acompanhar por Diogo Alves Pinto (Gobi Bear), que desenvolve arranjos com percussões, guitarra e voz. De Leiria chegam os Jerónimo, banda constituída pelos irmãos Nuno (Few Fingers, The VMen, ou Texas Killer Bee Queen), Gil (Les Crazy Coconuts) e Luís (vocalista dos Nice Weather for Ducks).

O vencedor terá actuações asseguradas nos festivais NOS Alive (de 12 a 14 de Julho no Passeio Marítimo de Algés) e Bons Sons (que irá acontecer em Agosto na aldeia de Cem Soldos, Tomar), vai gravar um videoclipe e terá acesso a dez horas de gravação em estúdio. O júri é constituído pelo fundador da promotora Everything is New, Álvaro Covões, os jornalistas Vitor Belanciano (do PÚBLICO) e Luís Guerra (Blitz), os radialistas Nuno Calado (Antena3) e Nelson Ferreira (SBSR) e o músico Samuel Úria. Desde 1994 participaram no Festival Termómetro mais de 500 bandas e artistas, entre os quais Ornatos Violeta, B Fachada, Capicua, Dj Ride, Mazgani, Ana Bacalhau, David Fonseca, Noiserv, Richie Campbell, Salto e Tatanka.

Os bilhetes para a final estão à venda por 10 euros.