Polícia australiana prende suspeito de planear ataque na passagem de ano

O homem de 20 anos descarregou informação publciada online pela Al-Qaeda da Península Arábica. É australiano de ascendência somali.

Foto
Reuters/HANDOUT/Reuters

A polícia australiana deteve um homem de 20 anos que planeava realizar um atentado na noite de passagem de ano na baixa de Melbourne, a segunda maior cidade da Austrália.

Segundo a polícia do estado de Victoria, citada pela Reuters, o homem foi detido quando tentava comprar uma arma semi-automática. 

Identificado como Ali Ali, o suspeito é um cidadão alemão de ascendência somali e estava a ser vigiado desde o início deste ano.

O suspeito descarregou no computador o guia da Al-Qaeda da Península Arábica que ensina a cometer atentados (e a usar armas de fogo), disse Shane Patton, vice-comissário da polícia de Victoria numa conferência de imprensa. “Estamos a partir do princípio que [o suspeito] é simpatizante do ISIS [sigla pela qual é também conhecido o grupo jihadista Daesh]”, acrescentou.

Patton esclareceu que o suspeito tinha planeado matar tantas pessoas quanto possível na Praça da Federação, onde se juntam multidões nas celebrações do ano novo.