Torne-se perito

“Verdades Sonangol”: Isabel dos Santos publica os seus feitos no Instagram

A ex-líder da Sonangol, exonerada pelo Presidente angolano João Lourenço, tem partilhado naquela rede social uma série de testemunhos elogiosos à sua gestão.

Foto
fernando veludo/nfactos

Depois de nesta quinta-feira ter publicado no Instagram o discurso de despedida dirigido aos funcionários da Sonangol, afirmando que a “memória é curta” e que salvou a empresa da falência, Isabel dos Santos anda a partilhar publicações na mesma rede social com o título “Verdades Sonangol”. Para além de um vídeo, a antiga presidente do conselho de administração da petrolífera partilha os testemunhos de empresários internacionais que elogiam a evolução da Sonangol.

A primeira partilha dizia que a empresa reduziu “para metade o custo de produção do barril” de petróleo. De seguida, a filha do antigo Presidente angolano, José Eduardo dos Santos, divulgou um vídeo com momentos da sua passagem pela Sonangol, bem como testemunhos de outros líderes do sector petrolífero que elogiam as mudanças realizadas na empresa.

Há ainda uma citação de Patrick Pouyanné, presidente-executivo (CEO) da petrolífera francesa Total, em que este afirma que a prioridade da Sonangol "tem sido a transformação e equilíbrio das contas, o que tem sido positivo e permite voltar a pensar no desenvolvimento".

Depois do vídeo, mais “verdades Sonangol” e agora com citações do CEO da petrolífera norueguesa Statoil, Eldar Saetre, e, que este diz, entre outras coisas, que sempre teve “uma relação muito próxima com a Sonangol” e que a quer manter “por muito tempo”.

Outra das citações partilhadas é a de Clay Neff, responsável da petrolífera norte-americana Chevron em África. “Vemos as mudanças que a Sonangol está a fazer com muito bons olhos”, lê-se na publicação.

Sugerir correcção