Turista ferida no atentado de Barcelona não resistiu. Número de mortes sobe para 16

Décima-sexta vítima mortal dos ataques na Catalunha, a 17 de Agosto, é uma turista alemã de 51 anos.

Foto
LUSA/Marta Perez

Uma mulher de nacionalidade alemã, de 51 anos, morreu neste domingo, no Hospital del Mar, em Barcelona, depois de ter sido gravemente ferida no atentado terrorista que teve lugar na capital catalã a 17 de Agosto. É a 16.ª vítima mortal dos dois ataques na Catalunha: 15 pessoas perderam a vida na Rambça, uma das zonas turísticas de Barcelona, quando uma carrinha investiu contra a multidão que passeava, atropelando dezenas de pessoas; e uma pessoa foi morta em Cabrils, onde a polícia terá conseguido travar outro ataque do género.

Segundo o jornal espanhol El País, a morte foi confirmada nesta manhã pelo Departamento de Saúde da Generalitat da Catalunha, o governo autonómico regional. Números oficiais também citados pelo jornal alemão Frankfurter Allgemeine, há 24 pessoas ainda internadas, dez dias depois do ataque. Cinco desses feridos permanecem em estado crítico.