Fenprof vai estar no Ministério da Educação para exigir negociações

Em causa está a revisão da legislação sobre os concursos de professores.

Ministério tinha prometido negociações com sindicatos para Outubro
Foto
Ministério tinha prometido negociações com sindicatos para Outubro daniel rocha

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) anunciou nesta quinta-feira, em comunicado, que estará no Ministério da Educação (ME) na próxima segunda-feira mesmo que não seja agendada uma reunião para esse dia com a secretária de Estado Adjunta e da Educação, Alexandra Leitão.

Na nota divulgada, a Fenprof informa que acabou de propor a Alexandra Leitão a marcação de uma reunião para o próximo dia 31, para dar início às negociações com vista à revisão da legislação sobre os concursos de professores. O ME tinha-se comprometido a iniciar as negociações em Outubro, mas até agora não agendou qualquer encontro.

A federação liderada por Mário Nogueira, que tem sido alvo de várias críticas pela sua alegada passividade em relação a este Governo, fez saber que “caso não seja marcada a reunião solicitada, a comissão negociadora da Fenprof deslocar-se-á ao Ministério da Educação, onde se apresentará pelas 11 horas, no dia 31 de Outubro, aguardando aí ser recebida pela Secretária de Estado Adjunta e da Educação”.