paulbr75/Pixabay
Foto
paulbr75/Pixabay

Politécnico de Barcelos cria ciclovia e aposta na bicicleta

Prevê-se que a obra fique concluída na primeira quinzena de Outubro

O Instituto Politécnico do Cávado e Ave (IPCA), em Barcelos, está a construir uma ciclovia, um investimento de 81 mil euros que facilitará a entrada e saída do campus em bicicleta ou a pé, informou esta terça-feira aquela academia.

A obra está fase final de execução, prevendo-se a sua conclusão para a primeira quinzena de Outubro. A ciclovia tem início na ponte pedonal que a Câmara de Barcelos está a construir para ligar o IPCA ao centro da cidade e prolonga-se pelo campus em toda a sua extensão.

A ponte pedonal é uma passagem superior sobre o corredor verde da Ribeira de Patarro, está orçada em 315 mil euros e terá uma extensão de 215 metros e uma largura de três. Vai ligar o campus do IPCA, junto à cantina do instituto, à Avenida de S. José, permitindo um acesso "mais rápido e seguro" ao centro da cidade de Barcelos.

A construção da ciclovia persegue o mesmo objectivo do U-Bike Portugal, um projecto a que o IPCA se candidatou e que foi recentemente assinado. No âmbito deste projecto, o IPCA vai adquirir 130 bicicletas (65 convencionais e 65 elétricas), que serão colocadas à disposição da comunidade académica.

A utilização das bicicletas será suportada por estruturas de apoio, nomeadamente com a criação de cinco zonas cobertas de parqueamento, que ficarão localizadas junto aos edifícios dos Serviços da Acção Social, da Escola Superior de Gestão, da Escola Superior de Tecnologia e, ainda, da residência de estudantes e da futura Escola Superior de Design.