Torne-se perito

Judi Dench faz história com o oitavo prémio Olivier da sua carreira

Distinção máxima do teatro britânico entregue à actriz veterana por O Conto de Inverno torna-a a única com oito prémios.

Foto
Judi Dench à chegada à cerimónia Neil Hall/ REUTERS

A actriz britânica Judi Dench fez história no domingo à noite em Londres, quando recebeu o seu oitavo prémio Olivier, na noite dos galardões mais importantes dedicados ao teatro no Reino Unido. Aos 81 anos, Dench venceu na categoria de actriz secundária na peça O Conto de Inverno, de William Shakespeare, produzida pela companhia de Kenneth Branagh.

O papel de Paulina, que levou ao palco do Garrick Theatre, é “memorável”, disse a actriz veterana numa cerimónia que também significou um recorde para a peça Gipsy – quatro prémios, o maior número alguma vez entregue a um único título nos Olivier, incluindo o galardão de melhor actriz para Imelda Staunton. O melhor novo musical foi Kinky Boots, Hangmen foi a melhor nova peça; e grandes nomes, sobretudo conhecidos do cinema, foram relegados para o plano de nomeados sem prémios, como foi o caso de Benedict Cumberbatch, Kenneth Branagh ou Mark Rylance, que perderam o prémio de melhor actor para Kenneth Cranham por The Father, ou de Nicole Kidman e Gemma Arterton, derrotadas por Denise Gough em People, Places and Things. O prémio do público foi para o sucesso O Fantasma da Ópera.

Mas Dench foi a estrela da noite, premiada e  sorridente. Já tinha recebido o prémio Olivier pelo seu Macbeth de 1977, por Juno and the Paycock em 1980 ou, três anos depois, por Pack of Lies. Em 1987 um Olivier seria novamente seu por Antony and Cleopatra, na década de 1990 era distinguida por A Little Night Music (1995) e Absolute Hell (1996) e em 2004 tinha já recebido um prémio de carreira.

A vitória de domingo, que a tornou a actriz com mais Oliviers na história dos prémios, significou no entanto uma derrota para Dench. “Estou lívida, porque tinha feito uma aposta com o meu neto, que acabei de perder, e ele nunca me vai deixar esquecê-lo”, brincou a actriz ao aceitar a estatueta na Royal Opera House. 

A lista completa de vencedores pode ser consultada aqui.

Sugerir correcção