Colômbia encontrou galeão que naufragou em 1708 e, talvez, um tesouro milionário

Acredita-se que o navio San José poderia estar carregado com ouro, moedas de prata e esmeraldas.

Foto
Samuel Scott

“Óptimas notícias! Encontrámos o galeão San José”, anunciou o presidente da Colômbia através do Twitter. O entusiasmo do comunicado explica-se pela expectativa em torno do tesouro que, alegadamente, estará escondido nos destroços deste navio espanhol, que se afundou em 1708 ao largo de Cartagena.

Ouro, moedas de prata e esmeraldas poderão fazer parte de um tesouro escondido que, de acordo com a agência Reuters, poderá estar avaliado em mais de mil milhões de euros.

Numa conferência de imprensa neste sábado serão revelados mais pormenores desta descoberta.

O San José fazia parte da frota do Rei Filipe V usada em combate contra os ingleses durante a Guerra da Sucessão espanhola.

O mesmo navio já esteve na base de uma longa disputa judicial entre o estado colombiano e a empresa norte-americana Sea Search Armada (SSA). Em 1981, a SSA anunciou que tinha localizado a área na qual o navio se encontrava.

Inicialmente, tanto o governo como a empresa trabalharam em parceria, concordando em dividir os eventuais ganhos da descoberta. Mais tarde, as autoridades colombianas afirmaram que qualquer tesouro encontrado pertencia à Colômbia. Já em 2011, um tribunal norte-americano declarou o galeão como propriedade do Estado colombiano.