Presidenciais: Marcelo já tomou a decisão e tudo indica que avança

O antigo presidente do PSD deu nesta segunda-feira mais um passo para entrar corrida a Belém em Janeiro 2016.

Foto
Marcelo Rebelo de Sousa Miguel Manso

Marcelo Rebelo de Sousa já tem tomada a decisão sobre a sua eventual candidatura a Presidente da República. Não revelou qual é a decisão, mas ficou quase claro que vai mesmo avançar e que a tomada de posição estará para breve.

Chamado ao Jornal da 8 da TVI para comentar os resultados das legislativas, acabou por comentar a sondagem da Intercampus para o PÚBLICO e TVI, divulgada na noite de domingo. Um estudo de opinião que lhe dá 49,3% das preferências, muito à frente da socialista Maria de Belém (17%) e do social-democrata Rui Rio (15,1%).

Depois de ter começado por defender que os partidos da coligação PSD/CDS devem dar liberdade de votos aos seus militantes nas presidenciais, Marcelo afirmou: “Já tive tempo suficiente para clarificar toda a situação. (…) Da mesma maneira que o cenário é hoje em matéria de governo muito mais claro, também é em matéria de presidenciais.”

Garantindo que a decisão já está tomada, e que não será revelada na TVI para “não se confundir “o comentador com o actor político”, o antigo Presidente do PSD foi a seguir mais claro: “Houve tempo suficiente para perceber e clarificar toda a situação política no plano das presidenciais e das legislativas. Está percebido e ponderado”.

Já na passada semana no programa da TVI Isto é tudo muito bonito, mas, de Ricardo Araújo Pereira, Marcelo aceitou responder a perguntas como se fosse candidato e até como se já tivesse sido eleito. 

Ficou mais claro agora que Marcelo deve mesmo avançar na corrida a Belém de Janeiro do próximo ano, até porque se a decisão fosse não avançar não fazia sentido manter o tabu.