Anatomia de uma ópera

No Teatro de S. Carlos apresenta-se "The Rake's Progress", ópera de  Stravinsky. Uma maestrina - Joana Carneiro - faz do movimento do seu corpo a linguagem humana da música. Apaixona-se pelas personagens, pelo afecto entre Anne Truelove e Tom Rakewell. Um encenador – Rui Horta – corre pela sala, salta, enlouquece. E transforma as suas ideias em gestos exuberantes, exclui a simetria de tudo o que leva a palco. Durante um mês acompanhámos a construção de uma obra sobre o amor, a perda e a loucura - tão comuns na ópera como na vida.

Sugerir correcção