Pedro Abrunhosa revela as músicas que influenciaram Viagens

Disco icónico faz 20 anos. Para celebrar a data, Abrunhosa reedita nesta segunda-feira Viagens e no Spotify do Ípsilon faz uma compilação da música que ouvia na altura.

<i>Viagens</i> foi o disco de estreia de Pedro Abrunhosa
Fotogaleria
Viagens foi o disco de estreia de Pedro Abrunhosa DR
Fotogaleria
No Coliseu do Porto em 2005 Luis Efigénio
Fotogaleria
Concerto em Mira em 2004 Manuel Roberto
Fotogaleria
Pedro Abrunhosa em 1994 Miguel Silva
Fotogaleria
Em 2004 em Vila Real Manuel Roberto
Fotogaleria
Concerto em Mira em 2004 Manuel Roberto
Fotogaleria
Concerto em Mira em 2004 Manuel Roberto
Fotogaleria
Em 1994 no Coliseu de Lisboa Miguel Silva
Fotogaleria
Pedro Abrunhosa em 1994 no Terreiro do Paço Bruno Portela
Fotogaleria
Festival de abertura da Casa da Musica, no Porto, em 2005 Nelson Garrido
Fotogaleria
Em 2003 no F4estival Dunas de São Jacinto Sérgio Azenha
Fotogaleria
Pedro Abrunhosa em 1999 Nelson Garrido

Continuamos a ouvir por aí canções como Não Posso + ou Tudo O Que Te Dou. Mas agora, Abrunhosa oferece-nos Viagens com áudio remasterizado e três misturas originais e ainda uma versão longa da polémica Talvez Foder. Às lojas, o disco chega acompanhado com um DVD, um documentário sobre estes 20 anos de histórias.

Para o PÚBLICO, Pedro Abrunhosa fez uma compilação com as canções que ouvia na altura da escrita, composição e gravações de Viagens. Estão aqui as suas influências: Miles Davis, James Brown (Abrunhosa trabalhou nesta época com Maceo Parker, saxofonista de Brown), Prince, Morphine, U2, Nirvana, Talking Heads, Sétima Legião ou Heróis do Mar. O principio de Pedro Abrunhosa está aqui. O músico, que tem concertos comemorativos marcados para o Coliseu do Porto (30 e 31 de Janeiro) e para o Meo Arena (7 de Fevereiro), leva-nos aonde tudo começou.