Dean Blunt, Faust ou Norberto Lobo nos dez anos do Out.Fest do Barreiro

Festival decorre de 2 a 5 de Outubro.

Foto
Dean Blunt, o ex-Hype Williams, trará novo álbum ao Barreiro

E pronto, já está. O cartaz do Out.Fest, no Barreiro, está completo. São dez anos de festival, de música exploratória, de vontade de mostrar o que de mais livre se vai fazendo pelo mundo, e como tal a Out.Ra – Associação Cultural empenhou-se a sério no cartaz dos dez anos do evento, que decorre entre 2 e 5 de Outubro.

Já se conheciam uma série de nomes, entre eles os do Peter Brötzmann & Steve Noble, Magik Markers e The Ex, mais eis que agora é revelado o cartaz completo. 

Assim, a 2 de Outubro, para além de Brötzmann & Steve Noble, no Be Jazz Café, atenções viradas para a guitarra do português Norberto Lobo. No dia seguinte, a 3, na Casa da Cultura Baía do Tejo, oportunidade para se fazer ouvir a música pop desviante de Dean Blunt, com o ex-Hype Williams a apresentar o novo álbum, a editar proximamente, de nome Black Metal. Na mesma sessão outra figura credível, o austríaco Fennesz, mago das electrónicas e da guitarra que virá apresentar o novo álbum Bécs, e o Peter Evans Quintet, unindo o trompete, o jazz e a composição contemporânea.

No dia 4, mais jazz liberto de amarras, desta vez pelo Rodrigo Amado Wire Quartet, que actuará no Be Jazz Café, numa sessão que contará com outro colectivo português, o Open Mind Ensemble. No espaço dos Ferroviários, todas as atenções viradas para os míticos Faust, grupo alemão que se revelou decisivo, desde a década de 1970, na exploração de texturas ambientais e industriais. Da formação que se apresentará no Barreiro fazem parte o duo nuclear e membros originais do grupo, Jean-Herve Peron e Werner ‘Zappi’ Diermaier. Os The Ex e Magik Markers completam o cartaz dessa noite. 

No dia 5, na Igreja da Nª Srª do Rosário, haverá um encontro especial com a música electrónica fluida e imprevisível do americano Charles Cohen e com as superfícies tecno analógicas, imaginativas e intricadas de Rabih Beaini, produtor e DJ nascido no Líbano, e homem forte da editora Morphine. Para além dos concertos haverá um workshop com a música americana Carla Bozulich, em parceria com o Arte Viva – Companhia de Teatro do Barreiro, e uma masterclass com o trompetista e compositor Peter Evans, em parceria com a Escola de Jazz do Barreiro. Ao longo dos dez anos o festival levou a diversos palcos do Barreiro nomes como Panda Bear, Sonic Boom, The Fall, The Fish ou RED Trio.