25 de Abril

"Não quero ser herói. Cumpri a missão que tinha como português"

A 25 de Abril de 1974, o então cabo apontador José Alves Costa chegava ao Terreiro do Paço, em Lisboa, num blindado M47 para defender o regime. Quando lhe deram ordem para abrir fogo contra a coluna de Salgueiro Maia, recusou. Regressou a Lisboa pela primeira vez em 40 anos nesta terça-feira, acompanhado pelo alferes Fernando Sottomayor, comandante dos carros de combate onde seguia. No Terreiro do Paço de 2014 encontrou soldados de 74, que daí a pouco estariam na apresentação do livro "Os Rapazes dos Tanques", de Adelino Gomes e Alfredo Cunha, onde se revela a história de José. Herói? "Não quero ser herói. Cumpri a missão que tinha como português". 

Sugerir correcção