O amor infinito que te tenho e outras histórias nomeado para três prémios de banda desenhada em França

A obra de banda desenhada, escrita e ilustrada por Paulo Monteiro, foi recentemente publicada em França.

O livro O amor infinito que te tenho e outras histórias , traduzido em França com o título L’amour infini que j’ai pour toi , está nomeado para a categoria de melhor banda desenhada em três prémios franceses: o Prix Sheriff D’or 2013, atribuído pela Esprit BD, livraria situada em Clermont-Ferrand; o Prix Bulles De Cristal 2014, criado pela biblioteca Ange Bleu e o Prix Lycéen De La Bd Midi-Pyrénées 2014, atribuído pelos estudantes da região dos Pirinéus.

Originalmente lançado em 2011 em Portugal pela editora Polvo, foi escrito e ilustrado por Paulo Monteiro, director da Bedeteca de Beja e do Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja. Em Portugal foi considerado Melhor Álbum Português pela AmadoraBD em 2011. Já na sua segunda edição, o livro reúne dez histórias criadas entre 2005 e 2010 e ilustra uma abordagem pessoal do amor nas suas várias vertentes.

A edição francesa, publicada este ano pela editora 6 Pieds Sous Terre, valeu-lhe críticas positivas por parte da imprensa, incluindo o Le Monde e a revista Les Inrocks.
 
O amor infinito que te tenho e outras histórias tem também prevista uma distribuição que passará por dezassete países, disse o autor ao PÚBLICO. Para já, esta banda desenhada está distribuída em Portugal, Polónia, Espanha e França. O livro poderá também vir a ser publicado na Coreia do Norte.

Paulo Monteiro está já a trabalhar no seu segundo livro que ainda não tem título. Será uma obra de 150 páginas e fala de “um homem que perde o pouco que tem face a uma paixão não recíproca”. O seu lançamento está previsto para 2015.

Até lá, o director da Bedeteca de Beja irá marcar presença como convidado no Festival Internacional de Banda Desenhada de Angoulême, maior festival no mundo do seu género que decorerá de 30 de Janeiro a 2 de Feveiro.

Paulo Monteiro será um dos vários autores que estarão a assinar livros no festival francês.