Um dos responsáveis pelo dispositivo policial da manifestação de polícias para director nacional da PSP

Foto

O ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, escolheu esta sexta-feira o superintendente Luís Farinha, comandante da Unidade Especial de Polícia, que tutela o Corpo de Intervenção, para director nacional da PSP. Luís Farinha foi um dos responsáveis operacionais pelo dispositivo policial destacado para a manifestação de polícias e profissionais dos serviços de segurança, que se realizou esta quinta-feira em Lisboa, tendo terminado com a invasão da escadaria do Parlamento.

A informação foi confirmada ao PÚBLICO por fonte oficial do Ministério da Administração Interna. O ministro Miguel Macedo irá falar às 20h30 desta sexta-feira, no salão nobre do ministério, sobre o que se passou no protesto de quinta-feira. O dispositivo destacado para a manifestação foi da responsabilidade do comandante metropolitano de Lisboa, que pediu a participação do Corpo de Intervenção, dirigido por Luís Farinha.

Por isso, a escolha deste superintendente apanhou muitos profissionais da PSP de surpresa, que não compreendem o critério do ministro.