Militares pintaram traseiras de bairro de Siza Vieira no Porto

Paredão voltado para a linha do metro funcionava até agora como tela gigante para tags e outras pichagens clandestinas.

Militares foram rendidos ao início da tarde
Foto
Militares foram rendidos ao início da tarde DR

Cinza betão. É esta a cor que está a cobrir uma parte do Bairro da Bouça, complexo habitacional no Porto cuja primeira fase foi construída em 1996, com projecto do arquitecto Álvaro Siza Vieira.

Durante a manhã desta quinta-feira, quinze militares, em colaboração com a Câmara Municipal do Porto, arregaçaram as mangas e deram a primeira demão nas traseiras do complexo - alçado que dá para a estação de metro da Lapa -, que até agora funcionava como uma espécie de tela gigante para tags e outras pichagens clandestinas.

Esta é a segunda vez que o Exército colabora com a Câmara do Porto neste tipo de "limpeza" e mais uma etapa da luta de Rui Rio contra os graffitis. Os materiais são cedidos pelo município, e a mão de obra ficou, desta vez, a cargo dos militares (que foram rendidos ao início da tarde). Ver vídeo em P3