Em 2011, a transformação de espaços devolutos foi um dos projectos do Manobras Fernando Veludo/ nFactos
Foto
Em 2011, a transformação de espaços devolutos foi um dos projectos do Manobras Fernando Veludo/ nFactos

Manobras: baile de “Corpos Extraordinários” e Plutão

Mais de 300 eventos em 10 dias: o festival Manobras está de regresso ao Porto a partir de sexta-feira

Um baile de “Corpos Extraordinários”, no passeio das Virtudes, e um manjar de sonho batizado de “Banquete de Plutão”, no largo dos Grilos, marcam o arranque do Manobras no Porto, que apresenta mais de 300 eventos em 10 dias.

O programa Manobras no Porto arranca oficialmente esta sexta-feira e um dos destaques é o baile dos “Corpos Extraordinários”, um espectáculo de marionetas gigantes que pode ser visto às 14h00 e às 17h00, no passeio das Virtudes, e que durante os 10 dias do Manobras vai andar em itinerância pela cidade numa furgoneta de uma família de vendedores ambulantes.

Mais à noite, por volta das 21h00, o leque de opções culturais do Manobras alarga-se para dar lugar ao “Banquete de Plutão”, um espectáculo de rua que vai estar no largo dos Grilos e que é seguido, às 22h00, pelo projeto “Ai Maria”, uma peça centrada na figura da mulher do centro histórico e da diáspora portuguesa.

PÚBLICO -
Foto
Há um ano o projecto arrancou com uma intervenção com vacas leiteiras Nelson Garrido

O espectáculo de teatro e dança “Arraial”, da companhia Circolando, que celebra as festas, crenças, romarias e rituais do Norte de Portugal, é outro dos pontos altos do primeiro dia de Manobras. Sobe ao “palco” do Mosteiro S. Bento da Vitória às 21h30.

“Independentemente e apesar do interesse dos conteúdos, que serão muito bons, vai ser um momento único e irrepetível de estar na cidade de uma maneira diferente. De a ver [a cidade] agitada e é isso que faz o Manobras e mais ninguém faz”, disse à Lusa, em entrevista telefónica, o coordenador do projecto Manobras, Anselmo Canha.

O programa de revitalização do centro histórico do Porto Manobras 2012 termina dia 7 de outubro com uma cerimónia do afundamento de uma cápsula do tempo no mar, onde vão ficar depositadas memória do Porto durante 100 anos.

A organização do Manobras apela à população do Porto para que entreguem as suas memórias - sejam dentes de leite de criança, diplomas de formatura, joias de família, fotografias, poemas ou músicas - nos depósitos espalhados pela cidade e que posteriormente serão levadas numa “bARCA das Memórias” para o alto mar e que só voltarão a ser desvendadas no ano de 2112.

O “Manobras no Porto” é um projecto bienal de intervenção sobre o património imaterial do centro histórico do Porto, comparticipado em 80 por cento pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) e 20 por cento pela Câmara do Porto, através da empresa municipal Porto Lazer e teve um investimento de cerca de dois milhões de euros.

Na edição de 2011, o “Manobras no Porto” arrancou em Setembro com uma intervenção com vacas leiteiras e doação de leite à população na estação de metro da Trindade e durante cinco dias a população teve acesso a 164 eventos de música, teatro, cinema, dança, performances variadas, instalações artísticas, gastronomia e debate de ideias, em locais improváveis da cidade. Este ano, as centenas de eventos construídos com a população e pensados para o território do centro histórico do Porto decorrem a partir de quatro principais praças: Sé, Vitória, Virtudes e Miragaia.