A ideia é adquirir livros a preços mais baratos Stephen Rees/ Flickr
Foto
A ideia é adquirir livros a preços mais baratos Stephen Rees/ Flickr

Estudantes criam plataforma de manuais em segunda mão

A LEUU, online há menos de uma semana, conta para já com 46 títulos. Para anunciar livros há um custo único de um euro

Dois estudantes do ensino superior decidiram criar um mercado de livros universitários em segunda mão, colocando on-line uma plataforma que permite a compra e venda de manuais dos diferentes níveis de ensino.

“O mercado do livro universitário em segunda mão era praticamente inexistente e há livros que são apenas usados durante um semestre e dada a situação actual de contingência económica, pensámos em criar um plataforma para compra e venda de livros universitários que alargámos a outros graus do ensino e também a livros diversos”, disse à agência Lusa Gonçalo Piriquito, um dos fundadores da plataforma LEUU que entrou em funcionamento na quarta-feira passada à noite.

O outro fundador do site, que recebeu já 230 visitas, é Sebastião da Cunha. Actualmente estão disponíveis 46 títulos, mas Gonçalo Piriquito afirmou que este número poderá aumentar em breve.

A ideia, segundo Gonçalo Piriquito, é adquirir livros a preços mais baratos, um cenário possível quando abranger o universo nacional e assim “aumentar as hipóteses de venda e de encontrar o livro pretendido de forma a poder gerar receita para o vendedor que beneficiará desse valor para comprar futuros livros a menor custo”.

“Para anunciar na plataforma LEUU, há um custo único de apenas um euro e a manutenção do anúncio em exposição terá a validade de um ano”, explicou Piriquito.