Liga dos Campeões

Benfica ganhou quase 20 milhões, FC Porto 12,4

O Benfica ganhou quase 20 milhões, o Chelsea 60
Foto
O Benfica ganhou quase 20 milhões, o Chelsea 60 Foto: AFP (arquivo).

Não era segredo que o Benfica foi o clube português que mais prémios monetários recebeu em 2011-12 pelo desempenho nas provas europeias, mas a UEFA detalhou os valores: 19,757 milhões de euros. O FC Porto ganhou 12,6 milhões, o Sporting 4,3 e o Sporting de Braga 2,2.

O clube “encarnado” atingiu os quartos-de-final da Liga dos Campeões num trajecto que lhe deu direito a acumular quase 20 milhões de euros: 7,2 milhões como prémio de presença; 3,6 pelos resultados na fase de grupos (três vitórias e três empates); 3 pelo apuramento para os oitavos-de-final; 3,3 pela participação nos quartos-de-final; e ainda 2,657 milhões relativos aos direitos televisivos (“market pool”).

Os “dragões”, que não sobreviveram à fase de grupos, receberam 12,394 milhões relativos à sua performance na Liga dos Campeões (7,2 pela presença; 2,4 por duas vitórias e dois empates; e 2,794 milhões pelo “market pool”). E mais 243.674 euros (200 mil pelos 32 avos-de-final, mais pela 43.674 euros pelos direitos de TV) para um total de 12.637.674 euros.

O Sporting atingiu as meias-finais da Liga Europa e recebeu 4.319.383 euros da UEFA, enquanto o Braga, eliminado nos 32 avos-de-final como o FC Porto, arrecadou 2.220.852 euros. Os dois clubes obtiveram o mesmo prémio de participação (um milhão) e de desempenho na fase de grupos (560 mil euros), mas os “leões” chegaram mais longe na prova (200 mil pela primeira ronda a eliminar, 300 mil pelos “oitavos”, 400 mil pelos “quartos” e 700 mil pelas “meias”). O clube de Alvalade recebeu ainda 1.159.383 de “market pool” e o minhoto 460.852 euros.

O campeão europeu Chelsea foi o clube com mais receitas na Liga dos Campeões, com quase 60 milhões (59.935.000). Na Liga Europa, destacou-se o Atlético de Madrid, também detentor do título, com 10,5 milhões.

Sugerir correcção