Futebol

Atsu deu nas vistas, Kléber bisou e o FC Porto venceu facilmente o Servette

Kléber foi o autor dos golos do encontro
Foto
Kléber foi o autor dos golos do encontro Foto: Miguel Riopa/AFP

Dois golos sem resposta materializaram a supremacia portista sobre o emblema suíço, num jogo particular de preparação para a nova época.

O jovem Atsu (20 anos), que na época passa brilhou no Rio Ave, foi um dos elementos portistas que se destacou na vitória desta quarta-feira frente aos suíços do Servette. O ganês construiu com o defesa David Bruno (também de 20 anos e que esteve cedido ao Trofense) uma ala esquerda que ajudou a destruir as poucas ambições da equipa do português João Alves. E, entre outros bons pormenores, fez o passe para Kléber, aos 29’, fazer o primeiro golo. O brasileiro depois bisou, aos 61’, com um voo a passe de Lucho.

O FC Porto mesmo sem vários internacionais e com o reforço Jackson Martínez na bancada, mandou sempre no jogo. Fernando esteve em bom nível e Lucho exibiu a sua qualidade, com destaque para a assistência para o segundo golo.

Os números poderiam ter sido ainda maiores, dada a superioridade portista, que apenas sofreu um calafrio quando, aos 55’, Sereno deixou Chalali na pequena área com possibilidade de desviar para a baliza. Menos acessíveis serão, por certo, os franceses do Lyon que estarão na apresentação do FC Porto aos sócios, a 4 de Agosto.

O FC Porto jogou de início com Helton; Sereno, Maicon, Otamendi, David Bruno; Lucho, Fernando, Defour; Djalma, Kléber e Atsu. Jogaram ainda: Bracalli, Mangala, Castro, James, Mikel, Pedro Moreira, Kelvin e Iturbe.