Futebol

Manchester United volta a desiludir, agora na Liga Europa

Foto
Foto: Paul Ellis/AFP

Depois de ter caído surpreendentemente na fase de grupos da Liga dos Campeões, o Manchester United comprometeu o apuramento para os quartos-de-final da Liga Europa, ao perder em Old Trafford com o Athletic Bilbao por 2-3.

Os "red devils" até começaram melhor o jogo, com Rooney a inaugurar o marcador aos 22 minutos. Só que as fragilidades defensivas dos ingleses começaram a fazer-se sentir sempre que os espanhóis imprimiam mais velocidade ao jogo e, ao cair do pano da primeira parte, Llorente surgiu no coração da área a fazer o 1-1, num bom golpe de cabeça.

Quando se esperava uma reacção do United na segunda parte, foi o Athletic a facturar. De Marcos respondeu a um passe de Herrera com um remate colocado e deixou as bancadas de Old Trafford emudecidas. E os adeptos da casa pior ficaram quando De Gea desviou um remate para o sítio errado e não reagiu a tempo de evitar a recarga de Muniain, aos 90'.

O melhor que o United conseguiu foi ainda reduzir os números da derrota, pelo inevitável Wayne Rooney, que cobrou de forma exemplar uma grande penalidade aos 90+2'. Com este desaire, os "red devils" comprometem seriamente a passagem à próxima fase da Liga Europa. Na próxima semana, em Bilbao, terão de virar a eliminatória do avesso.

Missão idêntica terá o Besiktas de Carlos Carvalhal, com a única vantagem de jogar a segunda mão em Istambul. Em Madrid, os turcos comprometeram o resultado desde cedo, muito graças ao desacerto defensivo e ao talento de Salvio.

O ex-jogador do Benfica apontou o caminho da vitória ao Atlético aos 24', com uma boa jogada individual pelo lado direito. Três minutos depois, voltou a bater o guarda-redes Cenk Gonen, desta vez com um chapéu pleno de classe.

A vencerem por 2-0, os "colchoneros" não precisaram de acelerar demasiado o jogo. Ainda assim, fizeram o 3-0 aos 37', num grande lance individual de Adrián López. Resposta do Besiktas, que alinhou com três portugueses no "onze", só na segunda parte e por... Simão.

Ele, que prometeu que não festejaria no Calderón, caso marcasse, cumpriu a promessa. Na sequência de um canto, rematou de primeira de fora da área para um grande golo. E voltou para o meio-campo em silêncio e de braços caídos.

Resultados

Primeira mão dos oitavos-de-final

At. Madrid-Besiktas: 3-1FC Twente-Schalke 04: 1-0
Metalist-Olympiakos: 0-1
Sporting-Manchester City: 1-0
AZ Alkmar-Udinese: 2-0
Manchester United-Athletic Bilbao: 2-3
Standard Liège -Hannover: 96 2-2
Valência-PSV: 4-2