FC Porto

Villas-Boas fala em "jogo louco" e não esquece Benfica

Villas-Boas ficou satisfeito com mais um triunfo portista
Foto
Villas-Boas ficou satisfeito com mais um triunfo portista DR

O treinador André Villas-Boas classificou como “um jogo louco” a vitória 6-2 do FC Porto sobre o Vitória de Guimarães, resultado que deu a 16.ª Taça de Portugal de futebol aos “azuis e brancos”.

“Foi um jogo louco. As equipas sentiram cansaço, num relvado em que a bola não rolava bem. O momento do jogo aconteceu [aos 45 minutos] com a defesa do Beto de uma grande penalidade que colocaria o resultado em 4-3 e logo a seguir fizemos o 5-2 e o jogo acabou aí”, disse no final do encontro, no Estádio Nacional.

Para André Villas-Boas, “não teria o mesmo sabor ganhar a Taça UEFA [1-0 frente ao Sporting de Braga, quarta-feira] e não ganhar hoje”.

Ultrapassar o Benfica

Apesar da conquista da Taça de Portugal, Villas-Boas quer mais: "Hoje adicionámos mais um título ao palmarés do clube e perseguimos de forma inequívoca o ultrapassar do número de títulos do Benfica, se é que já não o fizemos."


O treinador admitiu que “vai ser muito complicado repetir no próximo ano” as conquistas desta época [Supertaça, Campeonato Nacional, Taça UEFA e Taça de Portugal], mas assegurou que “estes quatro troféus significam que o clube está a preparar solidamente o futuro”.

André Villas-Boas mostrou-se ainda satisfeito por ter participado pela primeira vez numa final da Taça de Portugal, no Jamor, “um estádio simbólico, onde se vive um ambiente único”.

Perspectivando a próxima temporada, o treinador portista fez questão de desvalorizar a Taça da Liga, o único troféu ganho pelo Benfica: "A Taça da Liga será na próxima época uma competição de enquadramento de formação e experimentação, associando a formação ao futebol profissional. Para o ano não será objectivo a nível de conquista.

João Moutinho: "Tomei a decisão certa"

O médio portista João Moutinho garantiu que tomou a opção certa quando se transferiu para o FC Porto no início desta temporada. “A minha aposta não poderia ser melhor. Sempre disse isso. Esta foi mais uma vitória super-importante”, disse, enquanto Guarín garantia que na próxima temporada vai permanecer no Dragão.


Mariano González: "Gostava de ficar no FC Porto"

"Não sei ainda o que o futuro me reserva, mas vou analisar a situação nos próximos dias. Gostava de ficar no FC Porto, estou há muito tempo aqui. Parecia estar a despedir-me em campo? Sim, parecia a despedida, mas ainda não sei. Se gostaria de jogar noutra equipa em Portugal sem ser no FC Porto? Não, em Portugal não."


Hulk: "Nunca sonhei com o Milan"

"Nunca sonhei com o Milan nem com outra equipa qualquer. Só sonhei com a selecção. Tenho mais cinco anos de contrato, por isso, vou aproveitar as férias para que na próxima época esteja melhor."


James Rodríguez: Nunca tinha marcado três"

"Estou muito feliz, foi um jogo complicado, mas o mais importante é que fizemos um grande jogo. Nunca tinha marcado três golos, estou muito, muito, feliz, é um momento inesquecível, estou muito feliz."