UEFA aplica cinco jogos de castigo a Mourinho

Foto
A decisão ainda não foi oficialmente anunciada Felix Ordonez/Reuters

A UEFA já anunciou oficialmente a decisão, tendo aplicado também um multa de 50 mil euros ao treinador português.

Como Mourinho já cumpriu um dos jogos de castigo (na segunda mão da meia-final) e outro está em suspenso (só o cumprirá se voltar a fazer declarações polémicas), ficará arredado do banco durante três jogos na próxima temporada, significando que só poderá orientar a sua equipa na Liga dos Campeões a partir da quarta jornada da fase de grupos da Champions.

Mourinho foi castigado por aquilo que a UEFA qualificou como declarações “inapropriadas”.

“Por que acontece sempre a mesma coisa em cada meia-final? Não sei se é por causa da UNICEF [entidade estampada nas camisolas do FC Barcelona], não sei se é pelo poder de José Maria Villar [presidente da Real Federação Espanhola de Futebol e da Comissão de Arbitragem da UEFA]. Não compreendo. Se disser o que penso, a minha carreira acaba aqui”, disse Mourinho, após a derrota por 2-0 frente ao Barcelona, na primeira mão das meias-finais da Liga dos Campeões.

Após o jogo da segunda mão, Mourinho foi filmado no aeroporto de Barcelona a fazer um gesto com a mão, passando a mensagem de ter sido roubado.

O Real Madrid anunciou, entretanto, o recurso ao Comité de Apelo da UEFA do castigo. “Na opinião do Real Madrid, a citada resolução continua a padecer dos mesmos defeitos que continha o início do processo punitivo e que impossibilitaram o direito de defesa do nosso treinador, ao desconhecer-se as declarações concretas pelas quais se abriu o processo e pelas quais foi punido”, diz o clube “merengue”.

O clube espanhol, nove vezes campeão da Europa, vai ainda apelar contra a decisão do Comité de Disciplina que subestimou a denúncia contra o FC Barcelona por aquilo que o Real Madrid entende ter sido conduta antidesportiva dos seus atletas.

Já Pepe, expulso na primeira mão, foi punido com um jogo de suspensão, já cumprido, e o Real Madrid foi multado em 20 mil euros, por causa do comportamento dos adeptos.

Do lado do Barcelona, o guarda-redes Pinto, expulso no intervalo do jogo de Madrid, foi castigado por três jogos.

Notícia actualizada às 17h43
Sugerir correcção
Comentar