PÚBLICO acompanha desenrolar da operação de salvamento

Ao minuto: socorristas sobem enquanto Chile festeja

Fotogaleria
O 26.º a sair da mina, Victor Segovia, à chegada ao hospital Mariana Bazo/Reuters
Fotogaleria
O presidente chileno tem acompanhado as operações que deverão terminar por volta das 4h00 (hora portuguesa) David Mercado/Reuters
Fotogaleria
Osman Araya revê a mulher mais de dois meses depois do acidente na mina Foto: Hugo Infante/Reuters
Fotogaleria
Juan Illanes, o terceiro mineiro a ser resgatado Foto: Jose Manuel de la Maza/Reuters
Fotogaleria
Jose Ojeda foi o número sete da lista de 33 mineiros que chegarão à superfície até amanhã Foto: Hugo Infante/Reuters
Fotogaleria
Osman Araya, o sexto mineiro a ser resgatado Foto: Hugo Infante/Reuters
Fotogaleria
O segundo mineiro resgatado abraça o presidente chileno Reuters
Fotogaleria
A cápsula onde vão ser resgatados os mineiros Reuters
Fotogaleria
Sebastian Piñera com a mulher David Mercado/Reuters
Fotogaleria
Pelo menos 1500 jornalistas de 39 países estão junto à mina a acompanhar o resgate Foto: Ivan Alvarado/Reuters
Fotogaleria
Mario Sepulveda foi o segundo mineiro a chegar à superfície Foto: Ivan Alvarado/Reuters
Fotogaleria
Familiares aguardam, acompanhados por jornalistas, a saída dos mineiros Foto: Luis Hidalgo/Reuters
Fotogaleria
Chilenos celebram a chegada à superfície de cada mineiro Foto: Mariana Bazo/Reuters
Fotogaleria
O vai-vem onde os mineiros são transportados Foto: Hugo Infante/Reuters
Fotogaleria
O mineiro mais velho entre os retidos na mina saúda os presentes Foto: David Mercado/Reuters
Fotogaleria
Um dos mineiros sai do hospital depois de ter sido observado Foto: Mariana Bazo/Reuters
Fotogaleria
Alex Vega exibe orgulhosamente uma t-shirt com a bandeira do Chile Foto: Hugo Infante/Reuters

03h11 - A festa prolonga-se em Copiapó, enquanto sobem os últimos socorristas que desceram à oficina. Milhares de chilenos reúnem-se na Praça das Armas, naquela cidade, e em frente ao hospital para onde são transferidos os mineiros depois de assistidos por equipas médicas no local de saída.

03h04

- Pedro Riveroa, o segundo socorrista a chegar do interior da mina, é recebido pelos colegas de trabalho. No interior da mina estão mais quatro.

02h46

- Primeiro socorrista já está à superfície. O segundo dos cinco que ainda estão no interior prepara-se, agora, para subir.

02h35

- O Presidente chileno, Sebastián Piñera, faz o balanço das operações e refere-se ao resgate dos 33 como "um milagre". “Hoje, o Chile é um país diferente do que era há 69 dias. [Os mineiros] deram-nos uma lição. O Chile está mais unido e forte do que nunca. [Estamos] preparados para tudo, estou certo do que digo. Sinto-me orgulhoso de ser o Presidente do Chile”. Continua com elogios e cumprimentos, agradecendo aos mineiros, à equipa de resgate, ao chefe da missão, às famílias e aos presidentes dos países vizinhos da América Latina.

02h23

- A operação de resgate dos mineiros terminou, mas falta trazer à superfície os seis socorristas que desceram até aos 622 metros de profundidade para prestar assistência aos 33. O primeiro técnico começa a subir dentro da Fénix.

02h11

- “Espero que isto nunca mais volte a acontecer. Obrigado a todos, a todos os socorristas e a todo o Chile”. Foram estas as primeiras palavras de Luís Urzúa, o último dos mineiros a chegar à superfície. Neste momento, conversa com o Presidente chileno, Sebastián Piñera, com uma bandeira do país dobrada sobre os ombros e mantendo os óculos escuros para se adaptar ao exterior, mesmo sendo noite em San José.

02h05

- Familiares, socorristas, Presidente e último mineiro resgatado cantam o hino nacional, terminado o resgate dos 33. Antes, Piñera explodia de alegria, dizendo: "Viva o Chile, merda!". Grita-se "Viva Chile" no campo de San José.

01h59

- Já está à superfície o último dos 33 mineiros. Luís Urzúa, de 54 anos, saiu da cápsula enquanto uma sirene tocava consecutivamente. O acampamento Esperanza explode em festa: abre-se champanhe, soltam-se papéis coloridos ao ar, agitam-se bandeiras. A operação de resgate terminou antes das previsões iniciais e durou menos de 24 horas, sem contar com as viagens de teste da Fénix.

01h54

- Resgate do último mineiro deverá acontecer dentro de poucos minutos. O Presidente chileno e a mulher aguardam à saída da Fénixa. E uma multidão de chilenos estende-se desde a mina de cobre até Copiapó, a cidade mais próxima do campo, diz a BBC. Milhares estão com bandeiras do Chile nas mãos.

01h46

- Falta apenas resgatar o líder natural do grupo, Luís Urzúa, de 54 anos, que no dia em que se deu o acidente, a 5 de Agosto, era o chefe de turno. Foi sempre indicado como o último mineiro a sair pelas funções que exercia. A cápsula para o trazer à superfície já chegou à oficina onde aguarda pela liberdade. A seu lado estão seis socorristas, que vão subir a seguir.

01h36

- O 32.º e penúltimo mineiro a chegar à superfície foi Ariel Ticona, de 29 anos, o homem que assistiu ao nascimento da filha, Esperanza, no interior da mina, através de um vídeo enviado por fibra óptica. Ouvem-se novos gritos de alegria, enquanto abraça a mulher durante alguns segundos. Piñera é o segundo a abraçar o resgatado.

01h27

- Em entrevista à BBC, o Presidente chileno, Sebastián Piñera, dá a entender que a empresa detentora da mina de cobre em San José deve assumir a sua responsabilidade. “As grandes companhias são muito boas em termos de segurança, mas as pequenas como esta não têm grande cuidado com os trabalhadores. E esta mina nunca deveria ter actuado e trabalhado nas condições em que estava, porque não tinha condições de segurança para proteger as vidas e a integridade dos trabalhadores”, assumiu à estação britânica, em directo do campo Esperanza.

01h18

- Oito mineiros estão, neste momento, na zona de cuidados médicos do campo de San José e outros 22 encontram-se na zona de recuperação do hospital de Copiapó, o mais próximo da mina, aponta o diário chileno

La Tercera

. Restam três mineiros no interior da terra e os cinco socorristas que foram descendo para dar assistência às operações na oficina a 622 metros de profundidade.

01h10

- 31.º chegou pela Fénix. A primeira coisa que Pedro Cortez fez à superfície foi abraçar a filha, que segurava um balão com as cores do Chile na mão. Aos 26 anos, Cortez prestou ajuda nos arranjos tecnológicos que permitiram as comunicações com o exterior, apesar de ter perdido um dedo há um ano.

00h40

- Raúl Bustos Ibáñez está à superfície. O 30.º beija a mulher enquanto se ouvem cânticos em vozes masculinas à volta. Abraços e cumprimentos no regresso do homem que escapou com vida no terramoto de Fevereiro na cidade de Talcahuano.

00h38

- O próximo a ser resgatado, o 30.º, é Raúl Bustos Ibáñez . Este home de 40 anos estaria hoje à superfície se a 5 de Agosto não tivesse sido chamado a resolver uma avaria depois de cumprir o seu turno, momentos antes de acontecer o acidente dentro da mina. Meses antes, escapou com vida ao terramoto na cidade de Talcahuano.

00h27

- O Presidente chileno, Sebastián Piñera admitia há minutos à BBC, ainda antes de ser resgatado o 29.º, que a operação de resgate custa “muitos milhões” – sem, contudo revelar o valor exacto da operação. Disse apenas que o preço não é importante neste momento e que cabe ao governo assumir esse custo. Não adiantou se o primeiro bilhete que os 33 enviaram à superfície através de uma sonda vai ser devolvido ao mineiro que o escreveu. Primeiro, o Presidente quer “ter uma conversa” com ele, disse.

00h22

- Está à superfície o homem que já resgatou muitos companheiros soterrados em minas. É o 29.º a chegar ao campo de San José. Juan Carlos Aguilar foi cumprimentado pelo Presidente do Chile, Sebastián Piñera, que continua a receber os resgatados. No dia em que se deu o acidente, a 5 de Agosto, Aguilar exercia a função de supervisor. Tem 49 anos, uma companheira e dois filhos.

00h07

- Passam 24 horas desde que foi anunciado pelo governo chileno o início das operações. Depois dos testes, o primeiro mineiro regressaria à superfície cerca de três horas e meia depois.

23h59

- Chegada do 28.º homem, em que Richard Villarroel abraça a irmã, o irmão e a mãe – que desconhecia que o filho trabalhava numa mina até suceder o acidente a 5 de Agosto – emociona o engenheiro responsável pelas operações de resgate, Andrés Sougarret, que chora perante a cena.

23h51

- 28.º regressa dos 622 metros de profundidade para abraçar a família e levanta uma bandeira do Chile assinada com mensagens sobre o branco, o azul e o vermelho. Richard Villarroel Godoy poderá assistir ao nascimento da filha, que acontecerá em breve. Entretanto, é levado numa maca para ser assitido pela equipa médica do resgate.

23h40

- Prepara-se o resgate do 28.º, Richard Villarroel Godoy, o homem de 26 anos que nunca disse à mãe que trabalhava numa mina. Saiu de casa há dois anos e a notícia foi sabida pela progenitora quando se deu o acidente. Desde então, tem estado em permanência no Acampamento Esperanza, a pedido do filho, embora more a 8 horas de San José.

23h34

- Cápsula desce para trazer Richard Villaroel, sem paragens depois de ter chegado à superfície o 27.º homem.

23h18

- Fénix chega à superfície com o 27.º mineiro – o antigo futebolista Franklin Lobos Ramírez, de 58 anos. Depois de abraçar a família, aperta a mão ao Presidente chileno, Sebastián Piñera e tenta controlar com os pés a bola de futebol que recebe da filha.

23h17

- Restam sete mineiros no interior da oficina até onde desce a cápsula de resgate. Mas há ainda para trazer à superfície os cinco socorristas que foram até ao fundo da mina.

23h08

- Enquanto o 26.º mineiro – um fanático por futebol – é encaminhado para o hospital mais próximo da mina de San José, em Copiapó, a Fénix já desce para resgatar um antigo futebolista relativamente conhecido no Chile: Franklin Lobos Ramírez, 58 anos, casado e com duas filhas.

23h02

- 26.º mineiro já está à superfície. Claudio Acuña é recebido pela família e pela noiva, que lhe entrega uma camisola do seu clube favorito, enquanto outros cantam o hino do Colo Colo, a equipa pela qual o mineiro é fanático.

22h55

- Pequena pausa no resgate anunciado pelo ministro da Saúde chileno, Jaime Mañalich, que confirmou o bom andamento da operação. Neblina no campo de San José pode atrasar os trabalhos até às cinco ou seis horas da madrugada (hora de Lisboa), sublinhou.

22h43

- Depois da mais rápida subida de todas - 9 minutos e 13 segundos - do 25.º mineiro, prepara-se o resgate de Claudio Acuña, de 35 anos, ansioso por ver a noiva. À Praça das Armas de Copiapó, a cidade mais próxima da mina, chegam pessoas com bandeiras chilenas para celebrar o acontecimento.

22h27

- Renán Ávalos, 29 anos, irmão de Florencio (o primeiro homem a ter sido içado), terminou a subida dentro da cápsula. Renán, o 25.º a sair, começou a trabalhar nas minas por influência do irmão mais velho.

22h18

- Apenas 25 minutos depois de ter deixado o fundo da mina, a cápsula regressou para buscar mais um mineiro. As estimativas apontam para cerca de seis horas de trabalho até ser retirado o último mineiro.

22h02

- "José, como estás? Bravo José!". Ouviam-se os gritos à superfície, à medida que a cápsula com o 24.º resgatado chegava ao destino. A subida foi muito rápida, a rondar os dez minutos. O ritmo de resgate tem estado acelerado.

21h50

- José Henríquez, 54 anos, já entrou na cápsula está a fazer a subida. As filhas dizem que o pai tinha a intenção de deixar de trabalhar na mina, porque estava em más condições. Entrou lá em Janeiro e pouco depois houve uma fuga de gás. Nesse acidente, tirou de lá de dentro dois companheiros e ao tentar ir buscar o terceiro acabou por desmaiar.

21h35

- Carlos Bugueño chegou em forma à superfície, após uma curta viagem de cerca de dez minutos no Fénix 2. A mãe de Bugueño aguardava-o à saída. Numa conferência de imprensa realizada enquando decorria o seu salvamento, o ministro chileno da Saúde, Jaime Mañalich, confirmou que Luís Urzúa, de 54 anos, o líder natural do grupo, será o último mineiro a ser resgatado. Ainda segundo o ministro da Saúde, todos os mineiros têm um quadro clínico "mais que satisfatório". Apenas um tem sinais de pneumonia aguda e dois outros problemas dentários com alguma gravidade.

21h21

- Carlos Bugueño, de 27 anos, já está na cápsula que o trará até à superfície. Como muitos outros colegas, escolheu a profissão de mineiro para ganhar mais dinheiro, no seu caso para comprar uma casa e um carro. A sua função na mina era reforçar as paredes dos túneis que vão sendo criados. É o 23.º homem a ser salvo.

21h04

- Depois de algumas horas de descanso, o Presidente chileno, Sebastián Piñera, regressou ao local onde os mineiros estão a ser retirados para receber Samuel Ávalos, de 43 anos. Com óculos escuros especiais que lhe protegem os olhos da forte luz do dia, Ávalos foi ainda recebido pela companheira Rute, que o abraçou e beijou.

20h56

- A Fénix 2 está de regresso à superfície, desta vez com Samuel Ávalos no interior. A cápsula continua a resgatar os mineiros sem dar sinal de desgaste ou problemas técnicos relevantes. Apenas a porta necessitou de ser alvo de uma pequena reparação a meio da tarde. É no entanto sujeita a avaliação entre um certo número de viagens.

20h49

- Samuel Ávalos, de 43 anos, é o mineiro que se segue nesta operação de resgate que dura há mais de 21 horas. A cápsula já está no interior da mina e prepara-se para ser içada a qualquer momento até à superfície, onde o esperam três filhos e a companheira.

20h35

- Yonni Barrios, o mineiro número 21, saiu da Fénix 2 com um pequeno sorriso de satisfação pelo seu salvamento. À sua espera, e segundo o jornal chileno "La Tercera", estava a namorada, Susana. Outros media dizem que era a mulher, Marta. Alguns jornalistas chegaram a avançar que seria uma irmã de Barrios. Apesar de não estar confirmada a identidade da mulher, a recepção a Barrios foi feita com um longo abraço e uma troca de olhares mais intensa, mas sem direito a beijos apaixonados.

20h13

- Yonny Barrios, de 52 anos, é o nome seguinte na lista dos homens a resgatar do interior da mina de San José. Conhecido como o "doutor" entre os mineiros soterrados, por ter tido como tarefa mediar a tensão arterial e confirmar que os seus companheiros tomavam os medicamentos necessários, é ainda o protagonista de uma outra história. Duas mulheres afirmam que Barrios é seu companheiro: a mulher com quem é casado há 28 anos e uma outra, namorada recente do mineiro.

20h01

- Darío Segovia chegou à superfície com uma enorme sorriso, que se intensificou quando viu a mulher. É o 20.º mineiro a ser resgatado. Tal como outros companheiros, vem de uma família de mineiros. À mulher já tinha dito que a minha de San José “chora muito”, referindo-se aos deslizamentos de terras e pedras. No dia anterior ao acidente, disse que na mina havia o risco de uma derrocada a qualquer momento.

19h46

- Darío Segovia, 48 anos, vai ser o mineiro número 20 a ser retirado da escuridão de San José. Mineiro desde os oito anos, estava na exploração há três meses. A cápsula continua em actividade contínua e só deverá terminar a sua tarefa quando trouxer à superfície o último dos 33 trabalhadores.

19h31

- Pablo Rojas foi resgatado com sucesso na mina de San José. O filho, estudante de medicina do qual Rojas diz muito se orgulhar, abraçou o pai emocionado. O ministro das Minas, Laurence Golborne, cumprimento também Rojas, tal como tem feito aos últimos mineiros que têm sido salvos. Pablo Rojas é o 19.º trabalhador resgatado.

19h09

- Pablo Rojas, de 45 anos, é o 19.º mineiro a ser resgatado em San José. Rojas é primo de Esteban Rojas, que acabou de chegar à superfície. A cápsula que o trará à superfície já chegou à galeria onde está o grupo de mineiros considerados mais resistentes e com melhor quadro clínico. Até aqui todos os mineiros não deram sinais de problemas de saúde, segundo a equipa qu está a observá-los no Hospital de Copiapó.

18h51

- Esteban Rojas está de regresso à luz do dia. À sua espera estava a companheira, a quem se espera que faça o pedido formal de casamento prometido por carta enquanto esteve preso na mina de San José. Após sair da cápsula, Rojas ajoelhou-se e agradeceu o seu salvamento, enquanto era abraçado pela namorada. A rapidez com que decorreu o resgate de Rojas, de 44 anos, à semelhança dos anteriores, pode permitir que a operação de salvamento dos restanres mineiros fique concluída ainda esta noite.

18h17

- O ministro chileno das Minas, Laurence Golborne, acredita que a operação de salvamento poderá ficar concluída esta noite. "Resgatámos o mineiro número 17, situação que nos satisfaz muito. Não ocorreu nenhum contratempo e avançámos mais rápido que o esperado. Isso faz-nos prever que a operação de resgate pode estar concluída esta noite". Ainda de acordo com o ministro, está a ser ponderado o envio de um sexto socorrista para o interior da mina para reforçar as tarefas. Esteban Rojas é o próximo mineiro a ser resgatado.

18h12

- Depois de uma curta inspecção à Fénix, após ter sido detectado um problema na porta do vaivém, a cápsula regressou ao interior da mina, desta vez para ir buscar Esteban Rojas, de 44 anos, o mineiro responsável pelo carregamento dos explosivos na mina e o 18.º a ser resgatado na operação "San José".

17h41

- Omar Reygadas, o 17.º mineiro resgatado com sucesso numa operação que dura há mais de 14 horas, chegou à superfície. Reygadas, que ainda no interior da mina pediu que lhe fosse servida uma refeição especial à chegada e que o deixassem ver muita televisão, foi recebido por um familiar que filmou a sua saída do vaivém Fénix e que o abraçou calorosamente. Reygadas ajoelhou-se e agradeceu à equipa presente. Na maca onde foi transportado até ao hospital de campanha exibiu uma bandeira do seu clube de futebol Colo Colo.

17h01

- O resgate de Omar Reygadas, de 56 anos, que se segue esta tarde, coloca a meio a operação que vai retirar os 33 mineiros de San José. Há 30 anos na mina, este foi o terceiro acidente a que Reygadas assistiu na exploração. O Governo chileno anunciou que vai providenciar apoio médico e psicológico aos mineiros para ajudá-los no regresso ao trabalho depois da recuperação.

16h52

- Daniel Herrera é retirado da cápsula que o transportou ao longo de quase 700 metros a partir do interior da mina onde esteve preso desde 5 de Agosto com outros 32 mineiros. À espera estava a mãe, que aplaudiu a chegada do filho, enquanto era amparada por elementos da equipa de resgate. Seguiu-se um longo abraço. O Presidente chileno, Sebastián Piñera, acredita que a operação termine antes do previsto, devido à celeridade a que está a decorrer.

16h17

- Daniel Herrera, de 27 anos, é o 16.º mineiro a deixar a mina, depois de mais de dois meses preso em San José. Errera estava a apenas sete meses a trabalhar na exploração na altura do acidente. A cápsula já está de regresso ao interior da mina, transportando um novo socorrista. No exterior, o chefe de Estado chileno, Sebastián Piñera, recebe palavras de apoio do primeiro-ministro britânico, David Cameron, depois de um outro telefonema de solidariedade do homólogo brasileiro, Lula da Silva.

16h10

- Victor Segovia, o 15.º mineiro a ser resgatado da mina de San José, chegou à superfície. Acolhido à chegada pelo Presidente chileno, Sebastián Piñera, e pelo chefe de Estado boliviano, Evo Morales, Segovia deverá ter escrito hoje a última página do diário que mantém desde 5 de Agosto, o dia em que com outros 32 mineiros ficou privado da liberdade.

15h57

- Victor Segovia prepara-se para se juntar aos 14 mineiros que já foram resgatados. A cápsula que traz o mineiro já deixou o interior da mina.

15h44

- Victor Segovia, de 48 anos, que participava nos trabalhos de perfuração no dia do acidente, é o homem seguinte a ser resgatado. É conhecido por manter um diário em que relata tudo o que se passou nos últimos dois meses. É o mineiro número 15 a recuperar a "liberdade".

15h33

- Victor Zamora já chegou ao exterior da mina. Familiares, com os olhos cheios de lágrimas, abraçaram longamente o mineiro. Tal como outros dos seus companheiros, pareceu estar em boa forma, mas isso só será confirmado após ser observado no Hospital de Copiapó. É o 14.º homem a ser resgatado. Operação de resgate começou há 12 horas.

15h21

- Cápsula com Victor Zamora está de regresso à superfície. Zamora, que não deveria estar na mina no dia do acidente, é o 14º mineiro a deixar a galeria onde com 31 colegas passou mais de dois meses sem acesso físico ao exterior.

15h18

- Victor Zamora, de 33 anos, um dos responsáveis da equipa de manutenção de veículos da mina, é o próximo mineiro a recuperar a "liberdade". Disse anteriormente que com os quase oito mil euros de indemnização que a empresa prometeu a cada mineiro após o acidente na mina irá arranjar os dentes. À mãe afirmou com ironia que o estar preso na mina tinha uma vantagem: não teria de tomar banho todos os dias.

15h15

- Acompanhado por Evo Morales, o Presidente do Chile, Sebastián Piñera, volta a reforçar o empenho e o esforço de toda a equipa de resgate e a força dos mineiros ao longo dos últimos dois meses. "Creio que depois desta noite, estou convencido que a grande riqueza deste país não é o cobre, são os mineiros", disse à comunicação social.

15h09

- O Presidente boliviano, Evo Morales, fala aos jornalistas junto à mina. Morales afirma-se "extremamente satisfeito" com o decorrer da operação de resgate. O mineiro boliviano Carlos Mamanio, o único não chileno que ficou preso na mina, já manifestou ao Presidente do seu país que gostaria de regressar com a sua comitiva ao país de origem.

15h02

- A cápsula voltou a descer. À sua espera está o 14.º mineiro a ser retirado da mina de San José, onde durante mais de dois meses 33 mineiros estiveram retidos a cerca de 700 metros de profundidade.

14h56

- Carlos Barrios saiu da mina. É o 13.º mineiro a ser retirado da mina. À saída da cápsula Barrios foi recebido com um forte abraço por um familiar. Barrios ter-se-á queixado à mãe sobre a pressão que o psicólogo da equipa de resgate estaria a exercer sobre os mineiros para se prepararem para a operação de saída da mina.

14h40

- Carlos Barrios despede-se, por breves momentos, dos restantes colegas, enquanto troca de lugar com o elemento da equipa de resgate e entra na cápsula que o trará de volta à superfície.

14h28

- Carlos Barrios, de 27 anos, será o 13.º mineiro a ser resgatado esta tarde. A cápsula que trouxe Edison Peña até à superfície já voltou a descer até à galeria onde estão os restantes mineiros, com um elemento da equipa de resgate no interior. Às famílias está a ser dito para se prepararem para as possíveis consequências psicológicas que os mineiros possam vir a sofrer, após mais de dois meses em escuridão.

14h14

- Edison Peña já está fora da escuridão da mina e foi recebido por aplausos e gritos de "Bravo". Peña, emocionado, distribuiu abraços pela equipa de resgate que o acolheu à superfície.

14h04

- No hospital de campanha, Mario Gomez, o nono mineiro a ser resgatado, conta aos Presidentes Morales e Piñera que a subida "foi muito suave" e quase não sentiu nada.

14h01

- Edison Peña, 34 anos, começa os 700 metros de subida até à superfície.

13h49

- No hospital de campanha, o mineiro boliviano Carlos Mamani encontrou-se com o Presidente chileno Sebastián Piñera e com o Presidente da Bolívia Evo Morales. Este disse que os bolivianos nunca vão esquecer aquilo que o Chile fez por Mamani.

13h44

- Depois de Galleguillos, a cápsula volta a descer para ir buscar o décimo segundo homem, Edison Peña, de 34 anos. Foi um dos mineiros que mostrou mais desespero, querendo sair a todo o custo. A única coisa que Edison pediu ao exterior foram umas sapatilhas de desporto, para poder continuar a simular lá em baixo aquilo que gosta de fazer cá em cima: correr.

13h33

- Depois de uma espera que durou várias horas, Jorge Galleguillos Orellana, juntou-se aos seus dez colegas que já foram resgatados, ao som de aplausos. Uma das pessoas que assistiu a esta chegada foi o Presidente da Bolívia Evo Morales.

13h20

Jorge Galleguillos Orellana, de 56 anos, já iniciou a viagem até à superfície. Este mineiro tem problemas de tensão alta e está devidamente medicado.

13h02

- O vaivém Fénix, a funcionar há cerca de dez horas ininterruptamente, já está a descer para ir buscar Jorge Galleguillos, de 56 anos, um dos 23 mineiros que ainda estão a 700 metros de profundidade. A operação de resgate tem conseguido retirar da mina um mineiro por hora.

12h54

- Alex Vega Salazar, com 31 anos, tornou-se no décimo mineiro a ser resgatado com sucesso na operação "San José". Assim que saiu da cápsula, mostrou que estava bem com os polegares, benzeu-se e depois abraçou a sua mulher que estava à sua espera, bem como cada um dos membros da equipa de resgate que o aguardava.

12h38

- O vaivém Fénix iniciou a subida com Alex Vega Salazar. Este é o décimo mineiro a ser resgatado. Jonathan Vegas, o seu irmão, diz que vai pedir a Alex para não voltar às minas.

12h27

- A cápsula que vai agora resgatar Alex Vega Salazar, o décimo mineiro, já está a caminho do interior da mina. Alex Vega, mecânico de 31 anos e com dois filhos, recusava-se a deixar o trabalho na mina porque estava a construir uma casa para a família, contou a mulher Jessica Salgado.

12h25

- Os mineiros Juan Illanes, Jimmy Sanchez e Osman Araya já chegaram ao Hospital de Copiapó, sorridentes. Carlos Mamani, o quarto a ser resgatado, deverá encontrar-se antes com o Presidente Evo Morales e só depois dará entrada no hospital.

12h21

- Equipas de resgate estão a fazer a manutenção do vaivém Fénix, verificando as roldanas, estado da lubrificação dos cabos e ligações. O ministro chileno da Saúde, Jaime Manalich, disse esta manhã que se o ritmo dos trabalhos se mantiver, a operação deverá estar terminada dentro de dia e meio.

12h01

- O nono mineiro a ser resgatado, Mario Gomez, já chegou à superfície, apesar dos seus problemas respiratórios. Este era um dos homens que suscitava mais preocupações por causa do seu estado de saúde. A sua mulher Lilianet Ramírez estava à sua espera. Uma salva de palmas e gritos de "Mario" ouviram-se nas instalações da mina. Depois de abraçar a mulher e agarrado à bandeira do Chile, o mineiro ajoelhou-se para rezar.

11h48

- Mario Gomez já começou a ser trazido para a superfície. Pouco antes, na mina, disse acreditar que irá conseguir, apesar dos seus problemas respiratórios. Uma das filhas disse que o pai já se podia ter reformado (por causa da profissão lhe provocar problemas de saúde), apesar de ainda lhe faltarem dois anos para se retirar.

11h39

- Mario Gomez, mineiro desde os 12 anos, deverá fazer a subida com uma máscara de oxigénio, dado que tem problemas respiratórios. Por causa dos cuidados de saúde especiais para este caso, o regresso de Gomez, pai de quatro filhas, deverá demorar mais tempo. A cápsula já está na mina a ser preparada para a subida.

11h35

- Juan Illanes, Jimmy Sanchez e Osman Araya deverão ser os próximos a ser transferidos, de helicóptero, para o Hospital de Copiapó, informou o ministro da Saúde chileno, Jaime Manalich. A viagem deverá acontecer nos próximos minutos. O helicóptero tem uma capacidade máxima para quatro mineiros.

11h26

- O ministro da Saúde chileno, Jaime Manalich, informa, em conferência de imprensa no local, que o estado de saúde dos mineiros é bom, ainda que alguns tenham sofrido de tensão alta. Manalich revelou que todos já recuperaram depois de terem descansado um pouco. As equipas médicas estão a dar vitaminas e a ajudar a hidratar os mineiros.

11h15

- O próximo homem a ser resgatado é Mario Gomez, o mais velho dos mineiros, com 63 anos.

11h05

- Claudio Yánez, de 34 anos e oriundo de Santiago, é, oficialmente, o oitavo mineiro a ser trazido para a superfície, no âmbito da operação “San José”. Este homem foi recebido pela companheira e pelas suas duas filhas, no meio de gritos de alegria e aplausos. Enquanto era levado de maca para o hospital de campanha, Yánez agradecia a toda a equipa de resgate, aplaudindo.

10h54

- Florencio Avalos e Mario Sepúlveda já foram submetidos a exames médicos no Hospital de Copiapó. A instituição aguarda a chegada do resto dos mineiros resgatados.

10h53

- Claudio Yánez já está a caminho da superfície. À sua espera está Cristina, que lhe fez um pedido de casamento enquanto Yánez estava no interior da mina. A noiva já disse que assim que o vir o vai "encher de beijos".

10h48

- A 700 metros de profundidade, Claudio Yánez, oriundo de Santiago, prepara-se para entrar no vaivém Fénix, depois de 69 dias no subsolo. À superfície, 40 câmaras de televisão aguardam este oitavo regresso. A mãe do mineiro disse que Yánez tinha planeado retirar-se das minas em breve, depois de pagar as suas dívidas.

10h23

- Cápsula Fénix acaba de trazer à superfície o sétimo mineiro, José Ojeda Vidal, de 45 anos, e condutor de maquinaria pesada. Assim que saiu do vaivém pegou na bandeira do Chile e levantou-a, ao som de aplausos. Ojeda é o primeiro do grupo de mineiros cujo estado de saúde é mais delicado.

10h07

- José Ojeda Vidal já está no interior do vaivém e iniciou a subida. A equipa de resgate no interior da mina disse-lhe há pouco "Sê paciente, vais ficar bem". Vidal sofre de diabetes e foi um dos mineiros que recebeu mais cuidados médicos durante os 69 dias.

10h03

- Vaivém Fénix já chegou ao fundo da mina, depois de descida de cerca de 700 metros. José Ojeda Vidal, de 45 anos, prepara-se para entrar na cápsula. A ordem dos mineiros que estão a sair da mina tem sido cumprida de acordo com o que tinha sido inicialmente previsto.

09h47

- Equipas de resgate accionam descida do vaivém Fénix, para ir buscar José Ojeda Vidal, de 45 anos.

09h45

- José Ojeda Vidal, de 45 anos, será o próximo a regressar à superfície. Este mineiro há 27 anos foi o homem que disse ao mundo que os trabalhadores estavam vivos.

09h37

- Vaivém com Osman Araya chegou à superfície, depois de viagem de 700 metros. O sexto dos 33 mineiros a ser resgatado, muito emocionado, abraçou a família que o aguardava, ao som de aplausos. A sua t-shirt diz: "Thank you, Lord".

09h20

- O vaivém começou a subir para a superfície, com Osman Araya no seu interior. Este mineiro, com 30 anos, já estava descontente com o trabalho na mina e não queria arriscar a vida, contou recentemente a sua mulher, Angélica Ancalipe. Esta aguarda ansiosa pela chegada de Araya, reconfortada pelas autoridades que estão no local.

09h16

- Osman Araya já se encontra dentro da cápsula de resgate e deverá começar a subida nos próximos minutos.

09h00

- O vaivém Fénix já está a fazer a sua descida de cerca de 700 metros, para resgatar Osman Araya, o sexto mineiro a ser trazido para a superfície. A preparação da cápsula demorou mais de meia hora.

08h59

- Os primeiros quatro mineiros - Florencio Avalos, Mario Sepúlveda, Juan Illanes e Carlos Mamani - chegaram ao hospital de Copiapó.

08h57

- Uma equipa de especialistas prepara o vaivém Fénix para mais uma descida, verificando as garrafas de oxigénio.

08h33

- Osman Araya, com 30 anos de idade, prepara-se para ser o próximo mineiro resgatado.

08h28

- Um helicóptero levantou da mina San José com o primeiro grupo de mineiros (Florecio Avalos, Mario Sepúlveda, Juan Illanes e o boliviano Carlos Mamani) em direcção ao hospital de Copiapó, onde o estado de saúde dos homens será avaliado, antes do seu regresso a casa.

08h19

- Uma equipa de especialistas faz a manutenção do vai-vém Fénix, depois de esta cápsula ter realizado cinco descidas e cinco subidas.

08h12

- O vai-vém Fénix chegou à superfície com Jimmy Sanchez, o mais novo dos 33 mineiros. Sanchez disse que pensar na sua filha com quatro meses de idade o ajudou a sobreviver os 69 dias na mina.

07h48

- O segundo mineiro resgatado, Mario Sepúlveda, falou perante as câmaras de televisão e, rodeado pelos familiares, disse esperar que o acidente dos 33 mineiros sirva de exemplo para haver mudanças laborais no Chile.

07h37

- O vai-vém da Fénix não pára: a cápsula já chegou à oficina para trazer à superfície o mais novo dos 33 homens que ficaram soterrados. Jimmy Sánchez tem 19 anos e começou a trabalhar na mina seguindo a tradição familar, mesmo que a legislação diga que os trabalhadores mineiros têm de ser maiores de 21 anos. Será o quinto a chegar ao campo de San José.

07h16

- Mineiro boliviano chegou à superfície. É o quarto a sair do fundo da terra. A mulher, Verónica Quispe, recebeu aquele que é o único estrangeiro do grupo com uma pequena bandeira da Bolívia na mão. À sua volta, outros socorristas vestidos de vermelho e o Presidente chileno, Sebastián Piñera, seguravam mais bandeirinhas do país vizinho.

07h05

- Começou o resgate do quarto homem. Quando chegar à superfície, o boliviano Carlos Mamani, que jurou nunca mais voltar a trabalhar numa mina, vai poder encontrar-se com os familiares que o aguardam no campo de San José.

06h49

- O único imigrante do grupo de mineiros, o boliviano Carlos Mamani – o próximo a ser resgatado – vai receber a visita do Presidente do seu país, Evo Morales, no hospital de Copiapó, para onde estão a ser transferidos os mineiros resgatados para aqui poderem realizar exames médicos, soube o

El Mundo

.

06h40

- O quarto mineiro que aguarda a chegada da cápsula, para depois embarcar e subir à superfície, tem à espera familiares que passaram a fronteira para estar com ele. Carlos Mamani é boliviano e o único imigrante dos 33 mineiros; tem 24 anos e uma filha.

06h30

- Fénix está de novo a caminho da oficina, desta vez, já sem nenhum técnico no interior, mas com garrafas de oxigénio. A 622 metros de profundidade aguardam ainda 30 mineiros, acompanhados por três socorristas que desceram durante as operações.

06h23

- “Grande Illanes”, gritavam os mineiros que esperavam no campo pelo terceiro mineiro resgatado. Em Copiapó, a cidade mais próxima da mina de San José, os festejos avançam pela madrugada. E, descreve a BBC, não há carro que não buzine para celebrar.

06h11

- Já são três os mineiros que chegaram das profundezas da terra. Juan Illanes Palma demorou cerca de 15 minutos a subir através da cápsula. "Foi como estar num cruzeiro", disse com um largo sorriso, à chegada, o terceiro resgatado. Minutos antes, quando se viam os primeiros centímetros da Fénix a chegar à superfície, a mulher do ex-militar abraçava o Presidente chileno, Sebastián Piñera.

05h56

- Juan Illanes Palma é o terceiro mineiro a embarcar na cápsula até ao campo da mina de San José.

05h54

- Pixies deixam uma mensagem de solidariedade ao Chile no twitter. “Aqui em Santiago, no Chile… estamos completamente contentes com a liberdade dos mineiros”, pode ler-se na conta do micro-blogging da banda de rock norte-americana.

05h46

- Robledo já chegou ao refúgio da mina de San José. É paramédico e recebeu treino no Iraque.

05h36

- Juan Palma tem 52 anos, é casado e tem um filho. Este ex-militar é descrito como um homem de carácter forte, que sabe como lidar com situações difíceis sem nunca mostrar medo. Acabou por recusar uma carreira no Exército para ganhar mais dinheiro nas minas.

05h34

- BBC aponta alguma preocupação com a porta da cápsula, que pode ter ficada um pouco danificada nos primeiros testes.

05h33

Desce ao fundo da mina o terceiro socorrista, Patricio Robledo, para resgatar terceiro mineiro, Juan Illanes Palma.

05h28

"Boa chefão", disse Sepúlveda ao ministro Laurence Golborne quando o cumprimentou.

05h17

- Segunda viagem da cápsula Fénix até à superfície demorou 15 minutos, mais cinco que a primeira, e ocorreu com uma hora de intervalo.

05h15

- Sepúlveda agita a multidão à chegada, entoando gritos de apoio de braço em riste. E trás recordações da descida ao inferno, de 69 dias, que distribui pelos presentes, entre eles pelo Presidente Piñera.

5h14

- Sindicalista, com perfil de líder, este mineiro de 47 anos foi quem filmou os pequenos filmes no refúgio durante os 69 dias. Diz a mulher que Sepúlveda nunca teve medo de nada nem de ninguém. E que nunca mais voltará a uma mina.

05h13

- Uma nova explosão de alegria toma conta dos familiares e secorristas quando chegou à superfície Mario Sepúlveda Espinace, o segundo mineiro trazido pela cápsula.

05h02

- Piñera anuncia que mina de San Jose vai encerrar até que se assegure que vida e segurança dos mineiros não está em risco.

04h57

- Segundo mineiro da lista, Mario Sepúlveda Espinace, já entrou na cápsula Fénix e está a caminho da superfície. Todos aplaudem início da segunda subida.

04h52

- Segundo socorrista Roberto Ríos é paramédico e já chegou perto dos mineiros. Mario Sepúlveda Espinace (47 anos, casado, dois filhos) prepara-se para subir. Será o segundo resgate.

04h47

- “Atacama foi uma terra onde a vida foi sempre dura, e continua a sê-lo, mas os mineiros são fortes”, reagiu o Presidente chileno, Sebastián Piñera. “Está cá fora o primeiro, mas espera-nos ainda uma longa jornada”, lembrou numa primeira conferência de imprensa depois do primeiro resgate, para depois anunciar que vai ser construído um memorial que guie o Chile no futuro.

04h38

Byron, de sete anos, esperava o pai Florencio Ávalos para o abraçar, após 69 dias de incerteza.

04h37

- Presidente chileno, Sebastián Piñera, faz o primeiro ponto de situação do resgate à comunicação social.

04h34

- Copiapó comemora com um buzinão resgate do primeiro mineiro.

04h29

- Florencio Ávalos parece forte e em forma, escreve a BBC. Primeiro mineiro resgatado é levado para o hospital de Copiapó, a 40 quilómetros do campo da mina de San José, para realizar os primeiros exames médicos.

04h25

- Cantor espanhol Alejandro Sanz sauda chegada do primeiro mineiro à superfície : "Que beleza....acaba de sair o primeiro...que emoção...que emoção...viva o Chile. Nestas ocasiões volto a acreditar no ser humano".

04h15

- Piñera: “Que emoção!, Que felicidade! Que orgulho em ser chileno! E que gratidão a Deus!”

04h13

- Acaba de chegar à superfície o primeiro mineiro: Florencio Ávalos , de 31 anos, é o segundo na hierarquia da mina a seguir ao chefe de turno. Aplausos e vivas à chegada, pelos familiares e equipa de resgate.

04h03

- Três minutos depois das quatros da madrugada (meia-noite no Chile) começa a subir pela cápsula Florencio Ávalos.

04h00

- “Abracem-se. Sorriam. Aplaudam. Grandes!!!! Florencio está a chegar”. Foram estas algunas das que o ministro das Minas chileno, Laurence Golborne, escreveu na sua conta do twitter, minutos depois de saber que o primeiro socorrista tinha chegado com sucesso à oficina onde estão os 33 mineiros.

03h54

- Psicólogo clínico Américo Baptista dizia no início da noite, na redacção do PÚBLICO, que se joga nesta mega-operação de resgate um importante exercício de auto-estima não só do grupo de mineiros mas de uma nação inteira, destruida pela memória recente de um terramoto: "Um país da América latina como o Chile conseguir montar uma operação desta dimensão é fantástico", defendia o especialista.

3h51

- Piñera : “Estas palavras são para todos os Chilenos. Sabemos que estamos em boas mãos. Mas não falo só do esforço de toda esta equipa que aquí trabalha mas dos 17 milhões de chilenos que nos apoiam com a sua fé”.

03h41

- Do interior da mina chegam imagens da chegada da Fénix à oficina onde aguardam os mineiros. Primeiro socorrista percorreu os 622 metros de profundidade através da cápsula em pouco mais de oito minutos. À superfície, a equipa de socorros e os familiares aplaudem efusivamente.

03h38

- As famílias dos mineiros, presentes na entrada da mina de San José, cantam juntas o hino nacional do Chile enquanto cápsula com socorrista Manuel Gonzáles dentro inicia a descida até ao refúgio dos mineiros.

03h34

- A cápsula avança, em média, um metro por segundo, mas pode ser acelerada para percorrer três metros, se tal for necessário, aponta a BBC.

03h33

- Socorrista Manuel Gonzáles pertence à Codelco – Corporacion Nacional del Cobre, a empresa mineira estatal de extracção de cobre no país.

03h28

- Presidente chileno Sebastián Piñera diz momentos antes de ter descido o primeiro socorrista pela cápsula: “Todos os chilenos vão com vocês e Deus os acompanhe, boa sorte e esperamo-los de volta. E que nos tragam os mineiros”.

03h26

- Vigília contínua na Igreja de Santiago do Chile pelo êxito da operação de resgate dos mineiros. Cardeal Francisco Javier Errázuriz presidiu à eucaristia.

03h12

- Socorrista Manuel Gonzáles desce na cápsula Fénix e será a primeira pessoa a ver os mineiros presos a 700 metros há 69 dias. González tem 12 anos de resgate vertical, acrescenta

El Mundo

. Descida ocorre cerca de 15 minutos antes do esperado. Presidente Piñera deseja-lhe sorte.

03h08

- "Fénix" realizou a segunda descida pelo túnel, ainda sem ninguém e já regressou à superfície. A viagem foi feita com maior velocidade do que a primeira.

03h01

- AFP avança que início das operações foi mais demorado porque cápsula Fénix ficou danificada numa primeira tentativa de descida que falhou.

02h57

- Está em curso a segunda descida da cápsula, sem ninguém, mas desta vez chegará aos 478 metros de profundidade. A velocidade de descida é maior, diz o

El País

.

02h48

- Família de Álvalos, o primeiro mineiro que vai ser resgatado, aguarda com algum desconforto por estar rodeada de jornalistas, descreve a BBC.

02h39

- Cápsula que realizou a primeira viagem de teste no interior do túnel demorou cerca de 30 minutos a percorrer lentamente – de forma intencional – os primeiros 60 metros de profundidade.

02h36

- Piñera: “Depois de 68 dias chegou a hora da verdade desta operação de resgate. Que Deus acompanhe os mineiros e os socorristas”.

02h35

- Presidente Sebastián Piñera canta à entrada da mina junto com a equipa local. O ministro das minas Laurence Golborne, considerado já a estrela política desta operação, toca guitarra.

02h34

- Mineiros ficarão pelo menos dois dias internados no Hospital Regional de Copiapói, após salvamento. Instituição tem dois grupos clínicos preparados para receber mineiros e população em geral.

02h18

- BBC pergunta à mãe de Álvalos, primeiro mineiro que deverá ser resgatado, o que vai cozinhar em primeiro para o filho. “Empanados chilenos”, responde a senhora, sobre esta espécie de pastel de massa tenra, tradicional do Chile, que será um dos pratos preferidos do mineiro.

02h05

- “Todos os mineiros querem ser o último [homem] a deixar a mina”, disse o Presidente chileno Sebastián Piñera, citado pelo

El País

, ainda antes de a cápsula ter entrado no túnel para o primeiro teste, e depois de ser conhecida a lista com a ordem de subida. Como previsto, o líder natural do grupo, Luis Urzua, será o último a subir, o que deve acontecer apenas na sexta-feira, 15.

02h02

- Mineiros ficarão pelo menos dois dias internados no Hospital Regional de Copiapói, após salvamento. Instituição tem dois grupos clínicos preparados para receber mineiros e população em geral.

01h57

- Uma vez concluídos os testes, já é conhecido o nome do socorrista que vai descer até à mina. Chama-se Manuel González e será o primeiro homem a ver o grupo de 33 mineiros em 69 dias.

01h47

- "Vamos, vamos mineros que esta noche los vamos a sacar": equipa de resgate à superfície festeja com cânticos a entrada da cápsula para o primeiro teste, que a levará, vazia, até 65 metros de profundidade.

01h33

- Cápsula "Fénix" está, neste momento, a entrar no túnel de resgate para um primeiro teste. Nesta primeira descida, o aparelho não levará ninguém no seu interior.

01h32

- Estão dois mil jornalistas no acampamento Esperanza, diz diário chileno

La tercera.01h26

- De regresso ao local do resgate, o Presidente chileno, Sebastián Piñera, assiste às operações ao lado da cápsula, enquanto os técnicos instalam fios telefónicos no túnel.

01h24

- Temperaturas baixam quase a zero à noite no acampamento Esperança, em pleno deserto de Atacama. Salvamento durante a noite será mais complicado devido ao risco de choque térmico. Mineiros estão a uma temperatura de cerca de 30 graus a 700 metros de profundidade.

01h18

- Diário chileno

El Mercurio

diz que socorristas que vão descer até à mina estão equipados com todo o tipo de medicamentos, até para tratar casos de enfarte. Cápsula demorará 55 minutos a descer e a subir.

01h12

- Estão a ser instalados três sistemas de comunicação com os mineiros: à superfície, um aparelho vai estar em contacto com o mineiro enquanto este sobe dentro da cápsula; um segundo vai comunicar permanentemente com o técnico socorrista que comanda a subida na oficina com os restantes mineiros; um terceiro vai contactar com o médico socorrista, também no interior da mina.

00h48

- É noite cerrada na mina de San José. O primeiro socorrista a descer até à oficina a 622 metros de profundidade para o primeiro teste de resgate ainda não foi decidido pela equipa, avança a BBC.

00h38

- Obama: “O nosso pensamento e as nossas preces estão com estes mineiros corajosos, as famílias e os homens e mulheres que trabalham para os salvar”. Presidência norte-americana redigiu comunicado em inglês e em espanhol.

00h12

- Técnicos preparam, com avanços e recuos, a colocação da cápsula “Fénix” na posição de descida.

00h07

- Resgate está a duas horas de começar, anunciou o ministro das Minas chileno, Laurence Golborne. Até às 22 horas (duas da madrugada, na hora portuguesa), a equipa de socorro vai testar duas vezes a descida e a subida da cápsula no poço: uma vez vazia e outra com alguém dentro. Um socorrista vai descer lentamente no interior da “Fénix” e regressar do contacto com a oficina onde aguardam os 33 homens com novas informações. Só mais tarde é iniciada a missão, com outro técnico a descer pelo aparelho e assim fazer subir o primeiro homem, Florencio Avalos (31 anos, dois filhos).

00h05

- Segundo o ministro da Saúde do Chile, Jaime Mañalich, especialistas da NASA, chegados hoje ao Chile, estão a ajudar a simular, dentro da mina, com um sistema de luzes LED, o dia e a noite, algo que pode ter um forte impacto na saúde mental dos mineiros.

23h51

- "Ninguém sabe o que vai acontecer depois do salvamento a estas pessoas. A pressão será muita. Mas há pessoas que, após um grande acontecimento traumático, mudam para melhor. É o que chamamos o cresciemnto depois do trauma. Acontece em casos de sobrevivência ao cancro."

Américo Baptista23h41

- Bandeira do Chile tapa a entrada da mina.

23h36

- Presidente chileno Sebastián Piñera conversa com o grupo de socorristas e diz-lhes que “sentiria muito orgullo” caso fosse resgatado por um deles, cita o diário chileno "La Tercera". Entertanto, Piñera confirmou a ordem de saída dos primeiros homens: Florencio Avalos (31 anos, dois filhos), Mario Sepúlveda Espinace (47 anos, casado, dois filhos), Juan Illanes (52 anos, casado e um filho) e o boliviano Carlos Mamani (24 anos, casado, uma filha), único estrangeiro no grupo.

23h35

- "Quanto menos incerteza para os mineiros e famílias melhor. É bom que expliquem, como estão a fazer, o que vai acontecer assim que chegarem à superfície. Para onde vão os mais debilitados e quantos médicos estão à sua espera e para que hospitais seguirão. Isto mostra mais uma vez a organização excepcional da operação"

Américo Baptista23h29

- Houve uma boa gestão em termos de ânimo destes 68 dias. As famílias nunca foram enganadas, uma vez que os prazos foram sempre adiantados. Até a partida da cápsula de salvamento foi adiantada umas horas. Do ponto de vista psicológico é uma gestão relevante.

Américo Baptista23h28

O segundo mineiro a sair do interior do poço vai ser o técnico de electricidade e sindicalista Mario Sepúlveda Espinace, de 47 anos.

23h25

- A escolha sobre o primeiro a sair, o capataz de 31 anos, mostra uma boa decisão. Trata-se de um homem com um perfil psicológico forte, de liderança, que é escolhido para dar o exemplo. Mas os líderes devem ficara té ao fim para melhorarem a moral do grupo.

Américo Baptista23h20

- "Presidente da Câmara de Copiapós é, pela expressão facial, uma pessoa com fé no fim feliz da operação e determinada (em entrevista à BBC). Diz que os dias mais complicados foram os primeiros 17 que não sabiam se os mineiros estavam vivos".

Américo Baptista23h17

- Informações sobre ordem de saída dos 33 mineiros são contraditórias. Segundo o diário chileno

La Tercera

, os familiares que esperam o resgate no acampamento Esperanza já receberam a lista com a ordem de saída dos mineiros, mas a BBC escreve que essa ordem não é fixa e que será definida pela equipa médica que se encontra no interior da mina com os mineiros.

23h10

- "Este mineiros são uma população degradada em termos de saúde. Muitos são dependentes de álcool e de drogas, sofrem de silicose...não são pessoas saudáveis, o que já afecta o grupo em termos de ânimo".

Américo Baptista23h05

- "Para os chilenos, que já passaram por um grande terramoto em Fevereiro passado, este acontecimento provoca um mal-estar terrível ao nível da nação. E os que estão a ajudar também sofrem, as equipas de salvamento. Já para não falar nas famílias, algo que é potenciado pelos media."

Américo Baptista23h03

- Ordem pela qual vão sair os mineiros não é fixa e será estabelecida pela equipa médica que se encontra na mina, avança a BBC.

22h53

- Cinco bolivianos de uma delegação de 25 que viajou até à província nortenha de Copiapó – onde se localiza a mina de cobre – puderam entrar no acampamento Esperanza para estar com a família de Carlos Mamani, o boliviano soterrado com os outros 32 chilenos.

22h45

- "Para além dos aspectos dramáticos da confinação a tão exíguo espaço, um outro aspecto relevante em termos da saúde mental é a falta de variação dia/noite, que reproduz danos do ponto de vista psicológico e físico".

Américo Baptista22h34

- "O pico de ansiedade ocorre na hora prévia ao início da operação devido à incerteza a propósito da realização com sucesso da missão de salvamento. A partir do momento em que saibam que chegou com sucesso o primeiro mineiro é de esperar que essa ansiedade diminua."

Américo Baptista21h49

- Presidente do Chile, Sebastian Piñera, acaba de anunciar que a operação de resgate começa dentro de duas horas. “Daqui a duas horas vamos finalmente pôr em marcha o plano que preparamos com tanto esforço”, declarou. O processo poderá demorar entre 24 a 48 horas, acrescentou. “Prometemos que não nos rendíamos, e cumprimos”, sublinhou.

20h39

- Presidente do Chile, Sebastian Piñera, já se encontra no exterior da mina de San José, no deserto de Atacama, onde deverá começar em breve a operação de resgate dos 33 mineiros soterrados a 700 metros de profundidade desde 5 de Agosto. Piñera aterrou no heliporto improvisado no acampamento Esperanza, de onde partirão os helicópteros de transporte dos mineiros para o hospital de Copiapó, a 40 quilómetros. O Presidente vai reunir com o ministro das Minas, Laurence Golborne, e depois participar numa missa. Segundo o diário chileno

La Tercera

, o Presidente pediu que os sinos de todas as igrejas do Chile repiquem quando for confirmada a saída do primeiro mineiro.

19h56 -

O mineiro Florencio Ávalos, de 31 anos, será o primeiro a sair hoje na operação de salvamento. Capataz, segundo na hierarquia da mina, a seguir ao chefe de turno. Tem dois filhos. Vai seguir-se Mario Sepulveda, de 39 anos, sindicalista, que fez as vezes de jornalista diante da câmara na primeira gravação feita na mina. O terceiro será o único estrangeiro do grupo de 33. É boliviano, chama-se Carlos Mamani e tem 23 anos. Foram escolhidos por serem os mais ágeis do grupo.

O PÚBLICO acompanha ao minuto os principais desenvolvimentos das operações de resgate dos 33 mineiros presos há 68 dias na mina de San José, no Norte do Chile. Psicólogo clínico Américo Baptista acompanhou, em directo na redacção, os primeiros passos dos trabalhos