Violência

Hospitais de Braga e São João no Porto desmentem morte de adepto noticiada pela Benfica TV

Houve confrontos entre adeptos após o triunfo do Benfica
Foto
Houve confrontos entre adeptos após o triunfo do Benfica Paulo Pimenta

Os hospitais de Braga e do São João no Porto desmentiram a notícia avançada pela Benfica TV de que um adepto benfiquista alegadamente espancado, domingo, após o final da Liga, em Braga, tinha morrido na sequência das agressões.

Contactados pelo PÚBLICO, responsáveis dos dois hospitais referem que, de facto, entrou um jovem de 21 anos no domingo à noite no hospital de Braga, que foi posteriormente transferido para o Hospital de São João, no Porto, por ter um traumatismo oftalmológico. Uma transferência que se deveu ao facto de, em Braga, não existir urgência hospitalar oftalmológica. Mas, segundo o informação prestada pelo Hospital São João, esse jovem acabou por ter alta no passado dia 11.

Vários episódios de violência ocorreram no domingo em Braga e no Porto, após a vitória do Benfica sobre o Rio Ave por 2-1 no Estádio da Luz. Este foi o 32.º campeonato ganho pelo Benfica.

Notícia actualizada às 19h34