Segunda ronda da Liga de futebol

FC Porto vence Naval na Figueira da Foz (2-3)

César Peixoto marcou dois golos e um autogolo
Foto
César Peixoto marcou dois golos e um autogolo Paulo Novais/Lusa

O FC Porto venceu esta noite a Naval 1º de Maio, por 2-3, no jogo inaugural da segunda jornada da Liga Betandwin.com, disputado no Estádio Municipal José Bento Pessoa, na Figueira da Foz.

O encontro foi dominado pelos "dragões", mas a diferença mínima acabou por premiar o querer da equipa da casa, este ano promovida ao escalão principal do futebol português.

A Naval, que esteve sempre em desvantagem no marcador, nunca baixou os braços perante um dos candidatos ao título, numa partida muito movimentada, embora nem sempre bem jogada.

Sobre os 45 minutos, o FC Porto chegou à vantagem num dos incontáveis pontapés de canto que dispôs a seu favor durante a primeira parte: Jorginho cobrou na esquerda e César Peixoto de cabeça, livre de marcação na pequena área, fez o 0-1.

Na segunda parte, aos 53 minutos, o FC Porto chegou ao 0-2, numa jogada quase a "papel "químico" do primeiro golo: Jorginhou apontou o canto e César Peixoto bisou, saltando mais alto do que toda a gente e cabeceando sem hipóteses para Taborda.

A perder, Manuel Cajuda arriscou, fazendo entrar o médio ofensivo Rui Miguel e este, na primeira vez que tocou na bola, aos 55 minutos, desmarcou Bruno Fogaça na direita, com o brasileiro a fazer o 2-1, colocando a bola junto ao poste esquerdo da baliza de Vítor Baía.

Aos 83, num falhanço colectivo da defesa navalista, Hugo Almeida aproveitou para "fuzilar" a baliza de Taborda, fazendo o 1-3.

Três minutos volvidos, a Naval voltou a reduzir a desvantagem, com Fajardo a tentar servir Leo Guerra na pequena área e César Peixoto, em disputa com o brasileiro da Naval, a introduzir a bola na própria baliza, estabelecendo assim o resultado final (2-3).

Ficha de jogo

Ao intervalo: 0-1.Marcadores:
0-1, César Peixoto, 45+ minutos.
0-2, César Peixoto, 53.
1-2, Bruno Fogaça, 55.
1-3, Hugo Almeida, 83.
2-3, César Peixoto, 86 (própria baliza).

Equipas:

- Naval: Taborda, Carlitos, João Paulo, Nelson Veiga, Bessa, Gilmar, Glauber (Rui Miguel, 55), Marcio Luiz (Solimar, 76), Fajardo, Saulo (Leo Guerra, 64) e Bruno Fogaça.(Suplentes: Sopalski, Aurelio, Solimar, João Mendes, Rui Miguel e Leo Guerra).

- FC Porto: Vítor Baía, Sonkaia, Ricardo Costa, Pedro Emanuel, César Peixoto, Ibson, Lucho Gonzalez, Lisandro (Quaresma, 78), Diego (Alan, 85), Jorginho e Helder Postiga (Hugo Almeida, 69).(Suplentes: Helton, Pepe, Paulo Assunção, Quaresma, Sokota, Alan e Hugo Almeida).

Árbitro: Lucílio Baptista (Setúbal).Acção disciplinar: cartão amarelo para Pedro Emanuel (27), Carlitos (40), Márcio Luiz (62) e Nelson Veiga (74).

Assistência: seis mil espectadores.