Evian

G8 apela a reforço de controlos a navios depois de naufrágio de "Prestige"

Os chefes de Estado e de Governo do G8 defenderam hoje em Evian, França, o reforço dos controlos aos navios, para evitar a repetição de catástrofes como a do petroleiro "Prestige".

Os líderes do G8 estão "convencidos a tomar todas as medidas necessárias e apropriadas para reforçar a segurança marítima internacional", afirmaram numa declaração divulgada no segundo dia da cimeira em Evian.

No texto, o G8 anunciou que pretende apoiar os esforços da Organização Marítima Internacional (OMI), especialmente para "aumentar os fundos de indemnização às vítimas da poluição petrolífera".

Os oito países declararam que vão "proceder a uma nova aceleração da eliminação progressiva dos petroleiros de casco simples", como o "Erika" (naufragado em 1999 ao largo da Bretanha) e o "Prestige" (naufragado ao largo da Galiza em 2002).