Descobriu o punk nos anos 1990 quando a subcultura chegou às massas. Muitos partiram, mas Jeff Rosenstock ficou: a energia criativa do punk nunca foi tão necessária. A resistência deu-nos Worry.