Arquitectura

O telhado desta casa é como um pátio — com vista para o mar

Na Casa do Vale, o telhado foi revestido com tijoleira e quem por lá anda encontra uma paisagem a que poucos têm acesso. 

Casa do Vale, Torres Vedras do mal o menos
Fotogaleria
Casa do Vale, Torres Vedras do mal o menos

O terreno e a pequena casa que aí existia foi a morada da avó de um dos proprietários até o tempo a transformar em ruína. O lote fica num ponto alto, sobre um vale, e tem (sempre teve) vista para a freguesia de Campelos. Mas agora que tem mais do que um piso, também se consegue ver o mar.

João Caria Lopes e Rodolfo Reis, arquitectos responsáveis pelo projecto, descobriram esta nova paisagem depois de construírem a casa sobre um pódio de betão avermelhado, a cor da terra e do barro extraído nesta zona de Torres Vedras. A tonalidade estende-se até ao telhado de azulejos que todos podem percorrer.

Segundo João Caria Lopes, criar uma cobertura utilizável não foi pedido dos donos, mas antes “um acrescento” que o atelier Volume Achitecture Lisbon Studio decidiu fazer por não se ver em qualquer casa. “Em Portugal, poder ir à cobertura de uma casa não é uma coisa muito explorada. Gostamos de dar aos clientes algo mais do que o que é suposto. Esta casa tinha potencial para isso e conseguimos fazer mais do que o que se imagina”, acrescenta Rodolfo Reis.

Para revestir a cobertura escolheram uma tijoleira produzida numa fábrica que fica a minutos da casa, pintaram as paredes de branco, acrescentaram-lhe texturas e outros materiais rugosos e pensaram em espaços exteriores diferentes que ligassem o interior e exterior da habitação. Junto à sala construíram uma piscina, no centro da casa existe um pátio resguardado do vento e na cobertura e piso térreo, outros dois.

Vista de longe, salienta João Caria Lopes, é uma casa triangular “que nasceu dos ângulos do terreno” e das diferentes alturas que pensaram para cada divisão. As zonas mais recatadas, como é o caso dos quartos, têm um pé direito mais baixo, mas os espaços comuns como a sala, cozinha e biblioteca já são mais altos.

“No final unimos tudo com triangulações. Esta casa é uma adaptação geométrica no sentido de criar cobertura fluida e contínua na casa”, completa.

A Casa do Vale ficou concluída no final de 2023, depois de dois anos de construção. Da pequena ruína onde viveu a avó não ficaram vestígios. Por outro lado, destaca Rodolfo Reis, nasceu uma casa feita com materiais locais, telúricos e uma certa irregularidade que se “adapta à escala de cada espaço”.

O terreno pertencia à avó de um dos proprietários
O terreno pertencia à avó de um dos proprietários do mal o menos
O telhado da casa tem vista para o mar
O telhado da casa tem vista para o mar do mal o menos
Os tectos das divisões têm diferentes alturas
Os tectos das divisões têm diferentes alturas do mal o menos
Casa é um projecto do atelier Achitecture Lisbon Studio
Casa é um projecto do atelier Achitecture Lisbon Studio do mal o menos