Agora, Gustavo Ribeiro é candidato a uma medalha nos Jogos Olímpicos

Em muito pouco tempo, o skateboarder de 21 anos passou do quase anonimato a estrela da modalidade recém-olímpica.

Foto
Gustavo Ribeiro exibe o troféu conquistado no Brasil Daniel Rocha

Para os que não acompanham o mundo do skateboarding, convém recordar o que se passou no último dia 6 de Novembro, na Arena Carioca 1, do Parque Olímpico do Rio de Janeiro, no Brasil. Gustavo Ribeiro era o último a entrar em acção, dos oito que lutavam pela Super Crown da Street League Skate 2022, o mais importante circuito profissional da modalidade. Com várias pontuações (de 0-10) acima dos nove, o skater português já tinha conquistado os fãs presentes, mas ainda faltava a confirmação do júri. Na fase dos melhores truques, em que só competem os quatro primeiros da primeira fase e não se podem repetir manobras, Gustavo abordou o derradeiro “run” em segundo lugar. E quando precisava de um 9.2, o cascalense de 21 anos arrancou dos juízes um 9.3, deixando todos rendidos à sua consistente qualidade. Após o percurso do quase anonimato ao maior título mundial de skateboarding, Gustavo Ribeiro passou a ser um candidato a uma medalha nos Jogos Olímpicos de 2024.

Sugerir correcção
Ler 1 comentários